Pesquisa no Google

 
bove=""

 

Transbraz

CLIQUE AQUI E ACESSE O SITE!

O Centenário

Informatic Center

Dr. Gilson Brito

Vêronica alexandre

Dr. Júnior Prata

Costa Lira

ASB Imobiliária

Dr. Roberto Calumbí

Curta o Blog no Facebook

Login Form

Coluna da quinta-feira

Propina à Petrobras também no governo FHC

Para assegurar que ganharia contratos com o Brasil no Governo de Fernando Henrique Cardoso, o estaleiro de Cingapura, Keppel Fels, um dos maiores do mundo, afirmou que pagou propina à Petrobras. O objetivo do suborno foi para a construção da plataforma P-48 da estatal.

A notícia foi divulgada ontem pelo jornal “Folha de São Paulo”. Segundo a publicação, o suborno de US$300 mil teria sido pago em 2001 e 2002 para “funcionários do governo”, de acordo com o documento que está no Departamento de Justiça dos Estados Unidos.

No acordo de leniência, consta ainda que o Keppel Fels pagou um total de US$ 55,1 milhões ao PT e executivos da Petrobras ligados ao partido entre 2003 e 2012. O montante equivale a R$182,6 milhões em valores atuais. O estaleiro fez esse tipo de acordo com Brasil, Estados Unidos e Cingapura e pagou uma multa de R$1,4 bilhão. O valor pago durante o governo FHC chegou a US$ 800 milhões.

Essa não é a primeira vez que delatores falam em propina na Petrobras durante o governo FHC. Barusco já chegou a dizer que recebeu suborno em 1997 ou 1998 da multinacional holandesa SBM.

O ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró afirmou que a Petrobras rendeu um total de US$ 100 milhões em propina para o governo FHC, sem apresentar provas. Cerveró conta ainda que o ex-senador Delcídio do Amaral, que era diretor de Gás na Petrobras no governo FHC e depois se tornou líder do PT no Senado, recebeu propina para fazer contratos de termoelétricas no valor de US$ 500 milhões, mas disse não saber o valor do suborno.

Indicado para Ministério votou contra impeachment – O deputado federal Pedro Fernandes (PTB-MA), indicado por seu partido para assumir o posto após pedido de demissão de Ronaldo Nogueira (PTB-RS), atual ministro do Trabalho, está em seu quinto mandato consecutivo na Câmara. Engenheiro civil e bancário, ele tem 68 anos e está no PTB desde 2003. Na Câmara, Fernandes votou a favor do arquivamento das duas denúncias contra Michel Temer neste ano, a favor da reforma trabalhista encaminhada pelo Palácio do Planalto e contra a abertura do processo de impeachment da presidente cassada Dilma Rousseff.

100% da Emenda de Bancada para a Adutora do Agreste – Ontem, penúltimo dia de expediente bancário neste ano, o Ministério da Integração Nacional liberou o restante dos recursos da Emenda da Bancada de Pernambuco destinada às obras da Adutora do Agreste, no valor de R$ 58 milhões. “Conversei, por telefone, com o ministro Hélder e mostrei a extrema a importância de entrar em 2018 com obras aceleradas, para que o Agreste pernambucano receba as águas da Transposição do Rio São Francisco até o final de março”, disse o governador Paulo Câmara. Com esse repasse, 100% da Emenda de Bancada (no valor total de R$ 126 milhões) foi liberado dentro desse exercício.

PE tem saldo positivo no CAGED – Pernambuco fechou o mês de novembro com saldo positivo de 259 empregos, segundo dados do Cadastro geral de Empregados e Desempregados (CAGED), divulgados ontem pelo Ministério do Trabalho. O saldo positivo foi gerado pela diferença entre 28.683 contratações e 28.112 demissões, representando um crescimento de 0,02% em relação ao mês de outubro. O resultado foi motivado pela expansão do Comércio (+ 3.131 postos), Indústria de Transformação (+ 317) e Serviços (+130). Segundo o até então ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, a geração de empregos em Pernambuco mostra que o país está no caminho certo da retomada do crescimento econômico. “Esse resultado confirma a recuperação gradual do mercado de trabalho do Brasil”, diz o ministro.

FNE reduz taxas de juros – O presidente do Banco do Nordeste, Romildo Carneiro Rolim, anunciou, ontem, em Fortaleza, que os financiamentos com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) terão, em 2018, descontos que variam de 37% a 68,5% sobre os juros reais em operações de longo prazo, em relação às taxas cobradas para operações de crédito praticadas no restante do país. Os clientes adimplentes do Banco do Nordeste, que administra o FNE, permanecem a receber bonificação de 15% de desconto incidente sobre a parcela prefixada da Taxa de Longo Prazo (TLP), nos financiamentos pagos em dia. “Trata-se de uma conquista para o Banco do Nordeste e para todos que desejem empreender na Região. A MP fortalece o FNE como um dos principais instrumentos de combate às desigualdades regionais no país. Com a MP, o FNE passa de forma permanente a oferecer condições diferenciadas de financiamento para a Região”, afirma o presidente do BNB.

PV e REDE debatem eleições 2018 – As direções estaduais da Rede Sustentabilidade e do Partido Verde reuniram-se, ontem, para tratar do processo eleitoral de 2018. A reunião, que ocorreu na sede da REDE, no bairro dos Aflitos, no Recife, foi a primeira de uma série de conversas entre as legendas que devem voltar a se reunir em janeiro do próximo ano. A construção de uma tática comum entre a REDE, o PV e outros partidos para superar a cláusula de barreira, aprovada recentemente no Congresso Nacional, foi um dos principais pontos da reunião. De acordo com o presidente do PV, Carlos Augusto Costa, os dois partidos já sinalizaram para o lançamento de candidaturas próprias ao Governo do Estado e ao Senado Federal, mas isso não é impeditivo para que as conversações continuem a ocorrer.

CURTAS

DETRAN – A assessoria de imprensa do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE, informa que, em decorrência da necessidade de atualização da Base de Dados de Veículos para o fechamento das rotinas de atualização do final do exercício 2017, que acontece todos os anos, os sistemas de atendimento de veículos e habilitação do Órgão, inclusive o site www.detran.pe.gov.br, ficará indisponível para operação e consulta a partir das 13h do dia 29/12/2017, com normalização no dia 2 de janeiro de 2018.

ITAMARACÁ – O senador Fernando Bezerra Coelho (PMDB) visitou, ontem, o presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), Guilherme Uchoa (PDT). Fernando aproveitou a agenda para comunicar a liberação de um convênio no valor de R$ 3 milhões, via Ministério do Turismo, para a construção da estrada do Sossego, na Ilha de Itamaracá. A obra é uma reivindicação já bastante antiga dos moradores e do trade turístico do balneário e uma luta pessoal de Uchoa.


Copyright © 2017. All Rights Reserved.