Gordo Construções
ProntoMaisLab

Sertão Online
Supermercado Queiroz
Dr. Gilson Brito

CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIAR

Jailson Pneus
Restaurante Império Gourmet SJE
BMG Correspondente Antônio Filho
F. e P. Droga Center
Clínica Santa Lúcia
Casa Shopping Center
ADRIANTUR
Dr. Diego Aragão
O Centenário
Costa Lira
Informatic Center

Eduardo da Fonte

Centro Clinico
Eletro Móveis
Deixe Seu Like

Brasileiro acusado de usar tamanduá empalhado em foto perde prêmio internacional

Especialistas analisaram a foto tirada no Parque das Emas, no Brasil, comparando o tamanduá registrado com um empalhado e concluíram que se trata do animal estático (Foto: Marcio Cabral)

foto noturna de um tamanduá se movendo em direção a um enorme cupinzeiro no Parque Nacional das Emas, em Goiás, que havia sido declarada vencedora do concurso Vida Selvagem do Ano de 2017, foi desqualificada por supostamente apresentar uma cena manipulada.

A imagem, feita pelo geógrafo brasileiro Marcio Cabral, teria usado um animal empalhado, o que viola as regras, segundo o Museu de História Natural de Londres, que administra a competição.Cabral nega ter alterado a cena da foto e alega que há uma testemunha que estava com ele no dia.Segundo ele disse à BBC, outros fotógrafos e turistas estavam no parque naquele momento e, portanto, “seria muito improvável que alguém não visse um animal empalhado sendo transportado e colocado cuidadosamente nesta posição”.

Roz Kidman Cox, presidente do júri do Vida Selvagem do Ano foi dura em suas críticas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *