Gordo Construções
ProntoMaisLab

Sertão Online
Supermercado Queiroz
Dr. Gilson Brito

CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIAR

Jailson Pneus
Restaurante Império Gourmet SJE
BMG Correspondente Antônio Filho
F. e P. Droga Center
Clínica Santa Lúcia
Casa Shopping Center
ADRIANTUR
Dr. Diego Aragão
O Centenário
Costa Lira
Informatic Center

Eduardo da Fonte

Centro Clinico
Eletro Móveis
Deixe Seu Like

Giro pelos Blog’S (13.o7.2019)

Felipe CarreraFelipe pode disputar a Prefeitura

O capitulo da reforma da Previdência, aprovada em primeiro turno na última quarta-feira, pela Câmara, acabou gerando o primeiro desdobramento político nas eleições para prefeito do Recife. O voto a favor do deputado Felipe Carreras, contrariando o seu PSB, que fechou questão contra, é, sem dúvida, um aviso que está buscando a fase desmame do grupo mais ramificado no partido.

E que vai dos jardins das Princesas, onde despacha o governador Paulo Câmara, ao Palácio do Capibaribe, bate ponto do prefeito Geraldo Júlio, ambos fechados com a pré-candidatura de João Campos. Carreras sempre sonhou em disputar a Prefeitura depois de eleito federal, pela primeira vez, em 2014, com o troféu de campeão de votos na capital – mais de 100 mil votos.

No pleito passado caiu, teve 67 mil votos no Recife, mais ainda foi segundo mais votado, abaixo apenas de João Campos. Carreras está incomodado no PSB e pode se libertar pela janela do MDB.

FUNDO IMORAL

Mais uma excrescência do Congresso: o aumento em dobro do fundo eleitoral para 2020, saindo dos atuais R$ 1,7 bilhão para R$ 3,7 bilhão, R$ 2 bilhões a mais, portanto. O mais grave é que a grana para financiar campanhas de políticos jorrará dos generosos cofres públicos, enquanto faltam investimentos na saúde, na educação e na melhoria das estradas no País.

BATEU, LEVOU – Não foi a primeira vez que o senador Humberto Costa (PT) se envolveu, como na última quinta-feira, no aeroporto de Brasília, em incidentes com cidadãos comuns. Na Argentina, reconhecido por um brasileiro, quase foi às tapas como provocador, que o xingou e gravou um vídeo. Numa livraria do Paço Alfandega, em 2017, trocou socos no chão com um popular.

QUEM GANHA– A deputada Marília Arraes (PT) acha que se Felipe Carreras for expulso do PSB quem sai ganhando é a oposição, com mais um candidato à Prefeitura do Recife. “Se expulsar os outros que votaram a favor, tem que expulsar Felipe também. Se não expulsar ninguém, o PSB se desmoraliza”, afirmou.

PAPITOCRACIA– De Marília Arraes sobre a indicação do filho de Bolsonaro para embaixador dos EUA: ”Estarrecedor, revoltante e apavorante. A “papitocracia” de Bolsonaro e Trump é apenas o pano de fundo para uma intervenção sem precedentes na soberania e diplomacia do Brasil”.

RENOVAÇÃO– Em Machados, na Zona Mata Norte, o empresário João Morais está fazendo, nos próximos dias, a travessia partidária do PL para o DEM. É o candidato do ex-ministro Mendonça Filho para disputar a Prefeitura, alternativa de renovação da política do município.

ASSALTO– O mais provável em João Alfredo é que a prefeita Maria Sebastiana (PSD), aliada do deputado André de Paula, tenha sido vítima de uma tentativa de assalto quando seu carro foi alvejado por dois tiros, quinta-feira passada.  E não, como os apressados sugerem, um atentado político.

Perguntar não ofende: A Câmara de Goiana, que abriu impeachment, cassa o prefeito Osvaldo Lima Filho?

Coluna Fogo Cruzado – 13 de julho de 2019

Miguel Arraes foi presidente nacional do PSB, mas não consta que tenha havido na sua gestão qualquer tipo de punição a companheiros que eventualmente tenham divergido dele ou de alguma diretriz partidária. Lembre-se que quando chegou ao seu conhecimento em 1999 que diversos prefeitos do PSB iriam se aliar ao então governador eleito, Jarbas Vasconcelos, reagiu com serenidade. “Não vamos passar a mão na cabeça de ninguém. Quem quiser sair do partido, saia!”. E deu o assunto por encerrado. Resultado: dos cerca de 80 prefeitos que o PSB elegera em 1996, apenas 13 ficaram no partido. E nem por isso Eduardo Campos deixou de ser governador duas vezes e Paulo Câmara igualmente duas, em decorrência da força do padrinho político. Aliás, data dessa mesma época outra célebre observação do ex-governador. “Quando o conteúdo não se ajusta à forma, arrebenta-se a forma e reafirma-se o conteúdo”. Foi o que fizeram na votação da reforma previdenciária 11 dos 32 deputados federais do PSB, entre eles o pernambucano Felipe Carreras. Eles tinham o direito de concordar com o “conteúdo” e de mandar a “forma” (fechamento de questão contra a matéria) para o espaço, por isso estão ameaçados de expulsão pelo diretório nacional.  Os dirigentes do PSB talvez nem lembrem que Arraes apoiou Lula para presidente em 1989, no primeiro turno, apesar de o candidato do PMDB, do qual era 2º vice-presidente nacional, ser Ulysses Guimarães.

Máquina sob controle

Filho e neto de ex-prefeitos de São Lourenço, Josué e Jairo Pereira, respectivamente, o advogado Bruno Pereira (PTB), que se elegeu em 2016, terá como opositor na reeleição o ex-deputado Vinicius Labanca (PP), filho do ex-prefeito Ettore Labanca, falecido em março deste ano. Bruno apanhou muito no início do mandato, mas hoje garante que a máquina “está sob controle”.

De portas abertas

A direção da CEF corrige informação desta Coluna de que a agência de Afogados da Ingazeira havia fechado suas portas por questão de economia. Garante que a agência ficou de fato fechada por 48 horas, mas apenas para ser submetida à inspeção interna.

Estão se chegando

Pela primeira vez, na história de Belo Jardim, o ex-prefeito João Mendonça (PSB) vai dar uma entrevista à Rádio Itacaité de propriedade do também ex-prefeito Cintra Galvão (sem partido). Será no próximo dia 27. Os dois prefeitos vão se aliar em 2020 para tentar impedir a reeleição do prefeito Hélio dos Terrenos (PTB), aliado de Armando Monteiro (PTB).

Ao sesquicentenário

Águas Belas, terra do deputado Doriel Barros (PT), completou 148 anos de emancipação política agora em junho e o prefeito Luiz Aroldo (PT) já começou a preparar a festa do sesquicentenário em 2021. Trata-se do único município de Pernambuco totalmente situado numa reserva indígena (Fulni-ô) e o que possui mais assentamentos do Incra.

Terra de paz

Foi surpresa para a população de João Alfredo o atentado anteontem à noite contra a prefeita Maria Sebastiana (PSD), que só não morreu porque viajava em carro blindado. O principal adversário político dela no município é o ex-deputado Severino Cavalcanti (PP), que mora no Recife há muitos anos, não tem histórico de violência e não é candidato a nada em 2020.

Desistir da desistência

O Brasil passou por um período tão ruim no segundo governo Dilma que até um filho do presidente da Embratur, o pernambucano, Gilson Machado Neto, mudou-se para o exterior. O pai agora entende que após a posse de Bolsonaro não há mais motivo para ele “desistir” do Brasil e vai tentar convencê-lo a retornar a Pernambuco ainda no curso deste ano.

Expectador privilegiado

O advogado e escritor Antônio Campos está circulando com desenvoltura na 17ª Festa Literária de Paraty (RJ), onde o homenageado deste ano é Euclides da Cunha, autor de “Os Sertões”. Campos fez palestra e lançou livro e se apresentou unicamente como escritor. Nada de neto de Miguel Arraes, filho da ministra Ana Arraes (TCU) e irmão de Eduardo Campos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *