ProntoMaisLab

Sertão Online
Supermercado Queiroz

Dr. Gilson Brito

CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIAR

Jailson Pneus
Restaurante Império Gourmet SJE
BMG Correspondente Antônio Filho
F. e P. Droga Center
Clínica Santa Lúcia
Casa Shopping Center
ADRIANTUR
Dr. Diego Aragão
O Centenário
Costa Lira
Informatic Center

Eduardo da Fonte

Centro Clinico
Eletro Móveis
Deixe Seu Like

Premiação em dinheiro para escolas classificadas no Idepe em setembro

A imagem pode conter: 3 pessoas, incluindo Núbia Mamede, pessoas sorrindo, ternoA imagem pode conter: 8 pessoas, incluindo Cecilia Maria Patriota, Cândida Moura Cândido, Tania Santos Santos e Maria Helena Teles, pessoas sorrindo, pessoas em péEscolas estaduais que cumprem mais de 50% das metas de melhoria nos resultados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica de Pernambuco (Idepe) recebem o Bônus de Desempenho Educacional (BDE). A premiação em dinheiro, paga pelo governo estadual desde 2015, vai ser liberada em setembro. O secretário estadual de Educação, Frederico Amancio, estima que para arcar com o 14º salário, como o BDE é chamado pelos professores, serão reservados cerca de R$ 20 milhões do tesouro estadual. Mais que os números, os índices mostram que estamos avançando todos os anos. O SITE da secretaria disponibiliza  no site do órgão, para qualquer pessoa, a consulta aos dados do Idepe. “Agora, com os resultados finais do Idepe, vamos observar as metas de cada escola, que são pactuadas com a Secretaria de Educação. O valor destinado a cada uma depende do percentual que ela atingiu”, explica Frederico Amancio. Além do prêmio, cada unidade recebe um relatório com o diagnóstico detalhado de como a escola foi no Idepe. Dessa forma, pode monitorar o desempenho dos seus alunos e investir onde o indicador mostrou fragilidades. A nota de PE subiu de 4,5 para 4,72.  PE hoje tem a melhor índice(Melhor nota 4,72) do Brasil, e PE está em 1º lugar. A Nota do Brasil é de 3,5, e esta estável desde 2013.

Prêmio Idepe

Os resultados do indicador estadual são calculados com base no Sistema de Avaliação da Educação Básica de Pernambuco (SAEPE), que mede a cada ano o grau de domínio dos alunos no que é considerado essencial em cada período avaliado.

Quem responde pelo SAEPE e pelo IDEPE é o Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação (CAED), da Universidade Federal de Juiz de Fora (MG), que vem aplicando a avaliação nos últimos anos em Pernambuco e em diversos estados, e é também uma das responsáveis pelo Sistema de Avaliação da Educação Básica do Brasil (SAEB) e pelo IDEB, do Ministério da Educação, por meio do Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira – INEP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *