ProntoMaisLab

Sertão Online
Supermercado Queiroz
Dr. Gilson Brito

CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIAR

Jailson Pneus
Restaurante Império Gourmet SJE
BMG Correspondente Antônio Filho
F. e P. Droga Center
Clínica Santa Lúcia
Casa Shopping Center
ADRIANTUR
Dr. Diego Aragão
O Centenário
Costa Lira
Informatic Center

Eduardo da Fonte

Centro Clinico
Eletro Móveis
Deixe Seu Like

Giro pelos Blog’S(11.o9.2019)

INALDO SAMPAIO BloG\Coluna

Ex-líder da bancada da Oposição na Câmara Municipal do Recife (por sinal, um excelente líder), o vereador Rinaldo Júnior, que já abandonara o partido pelo qual foi eleito (PRB), filiou-se ontem ao PSB. É uma voz a menos para fiscalizar o prefeito Geraldo Júlio (PSB), do qual agora se torna aliado. Antes dele, considerando-se os dois mandatos do prefeito, foram-se para o PSB Eduardo Chêra e Aerto Luna. Já o vereador Marco Aurélio fez o caminho inverso: trocou o governo pela oposição e hoje é o líder da minoria na Assembleia Legislativa. Registre, por dever de justiça, que o adesismo não é um fenômeno novo naquela Casa. Todos os vereadores, salvo os que têm consistência política, não resistem à “cantada” da bancada governista quando lhes são oferecidos “xis” cargos na estrutura da prefeitura, mais uns tantos outros por meio de empresas terceirizadas e o direito de indicar ruas para serem calçadas. Foi assim que a bancada inchou nos últimos três anos, e tende a ficar maior ainda até abril do próximo ano quando se encerrará o prazo para a troca de partido. De oposição, mesmo, para valer, existe apenas André Régis, que escolheu a bandeira da educação para empunhar e se tornou através dela o mais atuante vereador do parlamento municipal.

Quarteto afinado

Não há um bloco monolítico de oposição, na Câmara Municipal, ao prefeito Geraldo Júlio. No 1º mandato dele havia um quarteto que tocava afinado: Raul Jungmann (PPS), Priscila Krause (DEM), Aline Mariano (PP) e André Régis (PSDB). Jungmann foi para a Câmara Federal, Priscila para a Alepe, Aline aderiu e só restou André.

Governismo manso    

A bancada do PT na Câmara do Recife (João da Costa e Jairo Brito) não defende o governo Geraldo Júlio mas também não o ataca. Os discursos do ex-prefeito João da Costa dificilmente versam sobre questões locais. São de ataque a Bolsonaro, em defesa da democracia, etc. De oposição ao atual prefeito até agora não fez nenhum.

Trio unido

Renato Antunes, Fred Ferreira e Gorete Queiroz formam a bancada do PSC na Câmara Municipal do Recife, que segue a liderança política do deputado André Ferreira, presidente estadual do partido. Todos fazem oposição “light” ao prefeito, que não chega propriamente a incomodá-lo, assim como também Ivan Moraes (PSOL).

Fim das coligações

Com o fim das coligações proporcionais, o PSB tem sido o “ponto de atração” de uma grande parte dos vereadores do Recife que ainda pensa em trocar de partido. O PSB vai se transformar num grande “chapão”, que por não ter “cauda” para garantir a reeleição de todos deixará muita gente boa pelo meio do caminho.

Do mesmo lado

Desde 2013, primeiro ano do primeiro mandato do prefeito Geraldo Júlio (PSB), o único vereador recifense que não trocou de partido nem de “lado” foi André Régis (PSDB). Ele é a opção do PSDB para disputar a prefeitura, mas se porventura o partido não o quiser, disputará tranquilamente a reeleição pelo tucanato.

Aliança recíproca

Tony Gel (MDB) almoçou ontem em Caruaru com o casal Jorge e Laura Gomes (PSB). Foi a 1ª conversa visando à costura de uma aliança para 2020. No Recife, o MDB vai apoiar João Campos (PSB) para prefeito, indicando o vice (Murilo Cavalcanti). E em Caruaru será o inverso: o PSB indicará o vice de Tony Gel.

Pé na estrada 

Guilherme Boulos, que disputou a Presidência da República pelo PSOL, participará amanhã (12) de um debate na Câmara de Vereadores de Caruaru. Depois almoça no acampamento Normandia com o líder do MST, Jaime Amorim, deslocando-se em seguida para o Recife onde debaterá com estudantes da UFRPE.

Magalhães fez chapão, mas perdeu

Nos últimos dias, tem sido ato rotineiro o prefeito Geraldo Júlio aparecer abonando fichas de vereadores, até então de oposição, ingressando no PSB. Entre os neossocialistas, Alcides Teixeira Neto, egresso do PRTB; Eduardo Chera, do PSC; e Rinaldo Júnior, do PRB. Isso sem contar de suplentes com votações expressivas nas eleições passadas.

Júlio quer, na prática, esvaziar o balão das chapas proporcionais no campo adversário. Com o fim das coligações nas eleições para vereador em 2019, teoricamente os partidos com maior número de candidatos com mandatos teriam mais chances de emplacar maior número de cadeiras.

O prefeito não está inventando a roda, mas é bom olhar no retrovisor também. Nas eleições de 2000, o então prefeito Roberto Magalhães juntou uma penca de vereadores com mandato numa única chapa, mas acabou perdendo para João Paulo (PT), que tinha apenas oito candidatos proporcionais em sua chapa.

Deu o start – Integrante da executiva nacional da Rede de Sustentabilidade, o ex-deputado Roberto Leandro confirma que abriu conversas com o pré-candidato do PDT a prefeito do Recife, Túlio Gadelha, sem, entretanto, avançar para a formalização de uma aliança. A coluna de ontem não informou que o entendimento com Gadelha estava fechado e sim que tratou da abertura de diálogos.

Municípios – Líder do PSD na Câmara dos Deputados, André de Paula, pré-candidato a prefeito do Recife, avalia que a reforma da Previdência só se completa com a inclusão dos Estados e Municípios. Ele aplaudiu a decisão do Senado de aprovar a PEC Paralela. “Como municipalista nato e disciplinado, vou trabalhar pela inclusão dos Estados e Municípios na reforma”, disse.

Olinda – O presidente de honra do PTB, Armando Monteiro Neto, é defensor da estratégia de que o partido dispute os principais colégios eleitorais do Estado com candidaturas próprias. E foi buscar, estimular e apostar em Olinda no nome do vereador Professor Marcelo, segundo mais votado das eleições de 2016. “Tem potencial de crescimento para nos levar à vitória”, ressalta.

Deu conta – Subiu nas apostas no Governo o desempenho do jovem Carlos Eduardo Figueiredo, secretário-executivo da Casa Civil, a quem o governador Paulo Câmara entregou a área de articulação com os municípios na edição dos seminários “Todos por Pernambuco”, em sua fase final.

Redução – Mais uma maldade de Bolsonaro: entrou em pauta, ontem, na Comissão de Constituição da Câmara, a PEC 438, que prevê a redução temporária de jornada e salários dos servidores. A redução de salários, para o Governo, se traduz numa solução para afastar o risco de demissão do funcionário estável.

AÇÃO – Em Tabira, o ex-prefeito Dinca Brandino (MDB) ganhou no TCU a queda de braço com o prefeito Sebastião Dias (PTB) por deixado obras não concluídas. Acordão do Tribunal dá razão a Dinca, que exige agora que o pagamento de R$ 600 mil de advogados, R$ 1 milhão de indenização e o valor devolvido aos cofres do Estado e União.

Perguntar não ofende: Por que deixar exibir uma arma na cintura como fez o deputado Eduardo na visita ao pai Bolsonaro no hospital?

Coluna do Finfa

Segurança – O prefeito de Triunfo-PE, João Batista, teve uma reunião ontem (10) no seu gabinete, para alinhamento da utilização do Sistema de Monitoramento permanente por Câmeras e a atuação conjunta da Guarda Municipal, Polícia Militar e Polícia Civil para aprimoramento da segurança em Triunfo. Segundo João, o sistema já está instalado e Triunfo passa a ter câmeras e monitoramento das saídas e vários pontos da cidade e alcançará também os distritos e bairros da cidade. Participaram na reunião, Tenente Pablo, representante a Polícia Militar, Delegada Jessica, setor de informática e planejamento da Prefeitura e da Guarda Municipal.

Licença –

Uma fonte egipsiense, confirma que o ex-presidente da Câmara de vereadores de São José do Egito, Antônio Andrade, conhecido por(Antônio do Milhão (foto), vai dar entrada hoje, de uma licença por 4 meses. Quem vai assumir sua vaga, será o suplente Tiinho de Mundo Novo (PSB).

Frase –

“Um bom governo é aquele que ouve a população e se coloca próximo aos seus anseios, expectativas e dificuldades. Nesse sentido, o trabalho da Ouvidoria-Geral do Estado cumpre papel relevante na perspectiva de ser, no dia a dia, o canal direto entre o cidadão e o Estado”.(Governadora em exercício de Pernambuco, Luciana Santos, abriu o primeiro Seminário Regional de Ouvidorias – Nordeste)

Inaugurado – Será inaugurado na próxima sexta-feira (13), o novo anexo administrativo da Câmara de Vereadores de Afogados da Ingazeira. O Presidente Igor Sá, convida todos para o evento, que será às 8:30 horas.

Disse – “A justificativa para não apoiar a festividade de Exu foi o contingenciamento de gastos. No entanto, dez dias antes da data marcada para o evento, foi promovida, com apoio da secretaria, a Missa do Vaqueiro em Nazaré do Pico, distrito de Floresta. A festa contou com artistas de renome nacional, o que deixa claro a forma como o secretário vem usando a pasta para se promover”. (Deputado Aglailson Victor (PSB), ontem na ALEPE, avaliando os investimentos da Secretaria Estadual de Turismo, através do secretário Rodrigo Novaes, que estaria direcionando de forma a privilegiar municípios da sua base eleitoral)

Você sabia – Que a Compesa, é a empresa que mais denunciada na imprensa, pela população de Afogados da Ingazeira. Falta de água é uma reclamação só, mesmo com a Barragem de Brotas cheia. Qual o verdadeiro problema de tanta falta de água?

Perguntar não ofende – Qual o motivo que a Prefeitura de Tabira, não paga os salários dos secretários, prestadores de serviços e contratados?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *