Gordo Construções
ProntoMaisLab

Sertão Online
Supermercado Queiroz
Dr. Gilson Brito

CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIAR

Jailson Pneus
Restaurante Império Gourmet SJE
BMG Correspondente Antônio Filho
F. e P. Droga Center
Clínica Santa Lúcia
Casa Shopping Center
ADRIANTUR
Dr. Diego Aragão
O Centenário
Costa Lira
Informatic Center

Eduardo da Fonte

Centro Clinico
Eletro Móveis
Deixe Seu Like

Giro pelos Blog’S(17.10.2019)

BLOG INALDO SAMPAIO COLUNA

A corrente majoritária do PT pernambucano – “Construindo um novo Brasil” – reafirmou ontem numa coletiva de imprensa a candidatura do deputado Doriel Barros ao cargo de presidente. A eleição está marcada para os dias 19 e 20 de outubro, data da convenção regional. Já a facção liderada pelas deputadas Marília Arraes e Teresa Leitão mantém o apoio ao atual presidente, Glaucus Lima, que assumiu após a renúncia do advogado Bruno Ribeiro. Há um terceiro candidato inscrito, José de Oliveira, da tendência “Resistência Socialista”, mas sem chance de êxito. A disputa se dará entre Doriel e Glaucus, que representam as forças sociais mais expressivas do partido. Doriel se apresenta com o apoio do senador Humberto Costa, do deputado federal Carlos Veras, da deputada estadual Dulcicleide Amorim, do vereador (e ex-prefeito) João da Costa, do secretário de Agricultura Dilson Peixoto, do presidente do IPA Odacy Amorim e do secretário de saneamento da Prefeitura do Recife, Oscar Barreto. É inquestionavelmente o candidato favorito com a difícil missão de dirigir o PT pernambucano após a queda de Dilma Rousseff e a prisão do ex-presidente Lula.

Deixa Ciro pra lá!

Da deputada Luizianne Lins (PT-CE), que foi prefeita de Fortaleza quando João Paulo era do Recife, sobre os freqüentes ataques de Ciro Gomes a Lula e ao PT: “Ninguém merece ser detonado, dia após dia, pelo clã Ferreira Gomes. Um dia fala mal do Lula, outro esculhamba o PT. Não precisamos de aliança com essa gente”.

Meia aprovação

Com base em estudo atuarial, o prefeito de Floresta, Ricardo Ferraz (PRP), enviou à Câmara Municipal um projeto de reforma previdenciária elevando de 11% para 13,5%
a contribuição dos servidores, e de 13% para 17% a contribuição patronal. Os vereadores aprovaram o reajuste patronal e rejeitaram o dos servidores.

Reforma caótica

Esse caso de Floresta é emblemático para exemplificar o que ocorrerá no Brasil se estados e municípios forem excluídos da reforma previdenciária, que abrange até agora apenas os servidores públicos federais. Se cada um dos 27 estados e 5.565 municípios tiver que fazer sua própria reforma, a federação se transformará num caos.

Caixa quebrado 

O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (sem partido), disse ontem no Recife que sua cidade não vê a cor dos recursos do FEM desde 2014. E está convencido de que Paulo Câmara deveria extinguir logo este Fundo por não dispor de recursos para sustentá-lo. O governo insiste em mantê-lo e por isso é cobrado todos os dias.

Natal de luz

Este ano, o Natal de Garanhuns terá início no dia 8/11 e só se encerrará no final de dezembro. Durante a programação, afirma o prefeito Izaías Régis (PTB), a cidade será visitada por 1 milhão de turistas. “Conheço o Natal de Gramado (RS), o de Nova York e o de Paris. E nenhum deles é maior que o nosso”, garante.

Obra inacabada

Luciano Duque (sem partido), prefeito de Serra Talhada, vai aproveitar a viagem que fará hoje ao DF para saber do governo federal se há alguma verba prevista no OGU para concluir o aeroporto de sua cidade. A obra foi dada como “quase pronta” pelo deputado Sebastião Oliveira (PL). Mas, segundo Duque, “está abandonada”.

Acima dos partidos

Deputados do PSB e do PDT que votaram a favor da reforma previdenciária, contrariando à orientação de seus partidos, estão criando na Câmara Federal o “Grupo Parlamentar Suprapartidário”. Felipe Rigoni (PSB-ES) e Tábata Amaral (PDT-SP) estão à frente do GPS, que deverá contar também com Felipe Carreras (PSB-PE).

Praias limpas só na emergência

Sem fazer referências ao volume de recursos que caberá a cada Estado, o líder do Governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB), antecipou, ontem, a decisão do presidente Bolsonaro de liberar recursos para limpeza das praias nordestinas atingidas pela forte e descontrolada descarga de óleo cru de petróleo.

Um detalhe que chamou atenção é que somente será beneficiado o Estado que decretou estado de emergência para enfrentar o drama. Sergipe, um dos mais atingidos, foi um deles. Não vi nenhuma medida nesse sentido anunciada pelo governador Paulo Câmara. O litoral sul e norte do Estado apresenta, igualmente, uma extensa área de praias marcada pela crueldade que não se sabe de que mão assassina partiu.

Navios venezuelanos que cruzaram a costa nordestina são os mais suspeitos, segundo atestam estudos preliminares de universidades. O grande nó está na exibição das provas.

Energia atômica – Seis deputados estaduais visitam, hoje, o complexo de usinas nucleares de Angra dos Reis, no litoral do Rio, sob a coordenação de Alberto Feitosa (SD), autor da PEC que altera na Constituinte estadual o poder de vedar o uso de energia alternativas. Pernambuco e Minas disputam a sede da primeira unidade do projeto de expansão no País de energia atômica.

Tira dúvidas – Caberá ao presidente da Eletronuclear, Leomam dos Santos Guimarães, na função desde que o pernambucano Fernando Filho esteve à frente do Ministério de Minas e Energia, tirar, hoje, todas as dúvidas da comissão parlamentar quanto aos riscos de uma usina nuclear, principalmente em relação ao lixo atômico, maior receio da população de Itacuruba.

Relapso – Não se sabe a razão, m as o deputado João Paulo (PCdoB), relator da PEC de Feitosa que excluir da legislação estadual a vedação da instalação de usina nuclear, farrapou e não justificativas para ausência na visita de hoje ao complexo 1,2 3 de Angra dos Reis. Mesmo não tendo ainda opinião formada, o deputado José Queiroz (PDT) integra a missão ao Rio.

O adeus – Um rio de lágrimas foi derramado, ontem, no leito seco do rio Ipojuca, em Caruaru, nos funerais do empresário Luiz Lacerda, patrono do Central, que partiu aos 94 anos. Pai da ex-deputada Miriam Lacerda e sogro do deputado Tony Gel, “seu” Luiz era unanimidade no País de Caruaru.

Bodocó – Ainda sem partido, o comerciante Klevinho Xavier desponta como o provável fato novo da sucessão em Bodocó. Já foi lançado, inclusive, o movimento “Inova Bodocó” como start da sua candidatura a prefeito. Bacia leiteira importante do Estado, Bodocó não tem tido sorte com gestores.

PUNIDO – O prefeito de Bom Jardim, João Lira (PSD), levou uma baita derrota, ontem, no Tribunal de Contas do Estado, que constatou grave ilegalidade na contratação de 797 servidores pela janela. Foi multado e suas secretárias também responsabilizadas pelo pulo do gato.

Perguntar não ofende: Felipe Carreras segue o exemplo de Tábata e recorre à justiça para deixar o PSB sem perder o mandato?

Coluna do Finfa

Recebeu – O prefeito de Itapetim, Adelmo Moura, recebeu no seu gabinete, mulheres da Associação da Mulheres de Fibra, acompanhadas pela secretária de Assistência Social, Fia Cândido, e da diretora de Assistência Social, Jarleide Lopes. Segundo o prefeito, as mulheres trabalham fabricando sabão em pedra, em pó, desinfetante, pasta glicerinada, além de pasta caseira e detergente, na pauta a solicitação de uma capacitação para melhorar o desenvolvimento da fábrica.”Vamos dar total apoio para elas e correr atrás para tentar conseguir este curso para aperfeiçoá-las, além de capacitação em vendas”, finalizou o Adelmo.

Entregou –

O prefeito de Iguaracy, Zeinha Torres, entregou os novos uniformes aos condutores e guardas municipais, da secretaria de saúde.. O prefeito estava acompanhado da Secretária Municipal de Saúde, Joaudeni Cavalcante e da Diretora da Unidade Mista, Valdira Rabelo.

Relação Bolsonaro e Bivar – Na noite desta quarta, Bolsonaro foi questionado sobre o assunto. Respondeu que “nunca” teve relação com Luciano Bivar e, em seguida, disse que se tratava de uma “piada”.“Eu nunca tive relação com ele, que negócio é esse?”, afirmou o presidente. “Nunca teve relação com o Bivar?”, indagou, então, um jornalista. Bolsonaro riu e declarou: “Pessoal, entenderam a piada, né? Mas tudo bem, não vou discutir partido com vocês. Eu tenho muita coisa a fazer pelo Brasil para ficar discutindo política partidária.”

Entrou com recurso – O Coronel Meira protocolou, na noite desta quarta-feira (16) através de seus advogados, recurso juntamente ao Tribunal Regional Federal da 5ª Região visando a suspensão dos efeitos da lista tríplice da Universidade Federal de Pernambuco. Caso a decisão, que pode sair ainda essa semana, seja favorável, o reitor Alfredo Gomes terá nomeação suspensa imediatamente.

Disse – “O Bolsonaro é muito despreparado politicamente e ele não faz questão de ser diferente. Ele é um cara que acha bonito ser grosseiro, ofender as pessoas, ofender o presidente da França, o presidente da Argentina. Ele acha bonito se meter nas eleições de outros países. Ele dá palpite em tudo, menos sobre o seu país”. (Ex-presidente Lula)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *