Miss Dourada

Gordo Construções
AC- Assessoria Contábil e Tributária
Dr. Fred Barros
Odonto Center
Sertão Online
Supermercado Queiroz
PASC – Mais Saúde
Dr. Gilson Brito

CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIAR

Jailson Pneus
Restaurante Império Gourmet SJE
BMG Correspondente Antônio Filho
F. e P. Droga Center
Clínica Santa Lúcia
Casa Shopping Center
ADRIANTUR
Costa Lira
Informatic Center
Eduardo da Fonte
Farmácia Boa Saúde
Centro Clinico
Eletro Móveis
Deixe Seu Like

~~~Giro pelos Blog’S—(Terça-feira 15.09.2020)~~~~

Patrícia no segundo turno

O apoio do Partido Cidadania, ex-PPS, de Daniel Coelho e Roberto Freire, à candidatura de Patrícia Domingos à Prefeitura do Recife, pode até não garantir a sua presença no segundo turno, mas abriu um caminho bem pavimentado. Fato novo na sucessão do prefeito Geraldo Júlio, a delegada rompeu o isolamento político e ganhou mais aderência, que já tinha antes, conforme atestam todas as pesquisas de intenção de voto feitas na fase anterior pré-eleitoral.

Daniel agrega politicamente e eleitoralmente. Foi candidato por duas vezes a prefeito da capital, com votações expressivas, tem capilaridade, credibilidade e trânsito nacional. Não é fácil transferir votos, mas o eleitorado de Daniel se confunde com o de Patrícia, segundo pesquisas internas que o partido do deputado encomendou para referendar o apoio e ter sustentação em seu discurso. Esperado pelo DEM, em apoio a Mendonça Filho, Daniel diz que nunca garantiu que apoiaria o democrata sem uma base referencial de sustentação, como pesquisa.

Em entrevista ao Frente a Frente de ontem, o líder do Cidadania apostou que, com o apoio do seu grupo, a delegada tem mais chances de chegar ao segundo. No seu entender, entre o candidato do PSB, João Campos, e Marília Arraes, do PT, as chances de Patrícia disputar o confronto final estariam muito mais próximas do socialista do que a petista. “Se formos levar em consideração que o PSB está no poder e tem duas máquinas, João já estaria escalado para o segundo turno”, disse.

Daniel Coelho rechaça qualquer versão de que passou para o palanque de Patrícia motivado por ressentimentos por não ter sido escolhido candidato consensual do bloco da oposição na disputa com Mendonça Filho (DEM). “A questão numérica – maior número de partidos em apoio – não se sustenta, porque nas pesquisas eu sempre apareci com maior densidade eleitoral do que Mendonça e menor taxa de rejeição”, declarou.

Hoje, o deputado reúne o partido para colocar em discussão o nome que possa ter mais apoios para ser indicado como vice na chapa de Patrícia. Conforme antecipou, entre os nomes cogitados estão o do vereador Jayme Asfora, da bancada do partido na Câmara do Recife, e da militante Karla Falcão, que disputou um mandato para Assembleia Legislativa na eleição passada.

SAIU ANÃO – Se há um político que está saindo na campanha no Recife menor do que entrou este atende pelo nome de Túlio Gadelha, deputado federal, namorado da apresentadora global Fátima Bernardes. Chancelado pela direção nacional do PDT para indicar o vice de João Campos, vacilou, apostando num nome que seria prejudicial à campanha do socialista. Rifado, tentou cair nos braços da petista Marília Arraes, mas a direção nacional foi mais esperta do que ele: dissolveu a comissão provisória do partido no Recife, impedindo que promovesse, hoje, uma convenção formalizando apoio à Marília.

ARTICULAÇÃO – As negociações para levar o deputado Daniel Coelho para o palanque de Patrícia Domingos foram conduzidas por ele próprio e a delegada, mas o presidente estadual do Podemos, Ricardo Teobaldo (foto), deu uma grande colaboração com o trânsito que conquistou com a presidente nacional do seu partido, a deputada Renata Abreu (SP). Teobaldo esteve em São Paulo por diversas vezes com Abreu, também com o líder no Senado, Álvaro Dias, e desde o momento em que viu que Daniel não iria apoiar Mendonça buscou, pessoalmente, convencê-lo a se aliar ao projeto da delegada de governar o Recife.

ESTÁ FORA – Ficou para hoje, em Caruaru, a confirmação ou não da candidatura do deputado José Queiroz, pelo PDT, à Prefeitura do Município. Segundo apurei ontem e ao longo das últimas semanas, Queiroz não será candidato por vários motivos. Não contava que essa eleição fosse contaminada ou atrapalhada pelos efeitos da pandemia do coronavírus. Enfrenta, também, um problema de ordem familiar, com uma nora que lhe deu três netos internada num hospital do Recife em consequência de um AVC hemorrágico. Por fim, o deputado não aparece bem nas pesquisas de intenção de voto num cenário no qual a prefeita Raquel Lyra tem amplas chances de ser reeleita logo no primeiro turno.

ABREU E LIMA – Em Abreu e Lima, a convenção realizada, ontem, pelo diretório municipal do PSB para homologar a candidatura de Cristiane Moneta à Prefeitura não tem validade e foi anulada pelo diretório estadual, que marcou um novo encontro com os convencionais para amanhã, às 18h, prazo final para decidir se o partido tem candidatura própria ou se vai apoiar algum candidato no município, conforme atestam integrantes do PSB em Pernambuco, sob a liderança de Sileno Guedes (foto). Moneta recorreu ao Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco para validar a convenção, mas teve o pedido negado. O TRE alega que a decisão compete ao partido.

FIM DA REELEIÇÃO – Prometido pelo presidente Jair Bolsonaro ainda na campanha de 2018, o fim da reeleição para cargos no Executivo tem o apoio de líderes de 15 dos 24 partidos representados na Câmara e no Senado, segundo levantamento do Estadão. O assunto, esquecido por Bolsonaro após eleito, voltou a ganhar força depois que o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso admitiu, em artigo no Estadão, ter errado ao dar aval à medida, que lhe permitiu ficar oito anos no poder. Uma proposta de emenda à Constituição (PEC) para proibir a recondução de presidentes, governadores e prefeitos foi apresentada na semana passada pelo deputado Alessandro Molon (RJ), líder do PSB.

MANOBRA – Especialistas ouvidos pelo Estadão avaliam que o presidente Jair Bolsonaro fez uma “manobra política”, mas não cometeu propriamente um crime, ao defender nas redes sociais a derrubada do próprio veto dado a uma parte do perdão a dívidas de igrejas. A medida havia sido aprovada pelo Congresso. “Confesso, caso fosse deputado ou senador, por ocasião da análise do veto que deve ocorrer até outubro, votaria pela derrubada do mesmo”, afirmou o presidente na sua página no Facebook.

Perguntar não ofende: A quem a Polícia Federal vai dar bom dia hoje? 

~~~~Coluna do Finfa~~~~

Prestigiada – A Convenção que homologou a chapa Dr. Augusto Valadares e Paulo Júnior, prefeito e vice respectivamente na cidade de Ouro Velho-PB, no último domingo (13), foi bastante prestigiada. Mesmo virtualmente participaram o ex-governador, Cassio Cunha Lima, deputados federais, Efraim Filho e Ruy Carneiro, os senadores Veneziano e Daniella Ribeiro, deputado estadual Tovar, presencialmente esteve participando o deputado estadual Wilson Filho representando o Governador João Azevedo.

Uma curiosidade, que é um fato inédito, esta chapa tem o apoio integral dos nove atuais vereadores, de todos os ex-prefeitos vivos e dos candidatos a prefeitos que disputaram contra este grupo nas últimas eleições, ainda, conseguiu unir a nível estadual, os dois lados políticos da Paraíba.

Convenção – O ex-prefeito de Tabira-PE, Dinca Brandino (MDB), em entrevista ao radialista Anchieta Santos, da Rádio Cidade FM, confirmou que realiza a convenção nesta terça-feira (15),no Espaço Wilton Show, onde terá início às 19 horas e concluída às 22 horas, respeitando todos os protocolos de saúde. Dinca, assegurou que tem em mãos todas as certidões da justiça eleitoral de 1ª e 2ª instancia que garantem a sua candidatura. O vice será o atual vereador Marcos Crente (foto), que confirmou na noite de ontem às produção dos Programas Rádio Vivo e Cidade Alerta, que será o companheiro de Dinca.

Disse – “É uma notícia importante diante de um cenário de tantos desafios. Pernambuco continua a manter o ritmo do crescimento atraindo indústrias. A empresa vai gerar centenas de empregos com um investimento de R$ 70 milhões, ajudando na consolidação, não apenas do município de Pombos, mas também de toda aquela região do Agreste. Como polo indutor do desenvolvimento, o Governo de Pernambuco avança nessa pauta de interiorizar as indústrias que chegam aqui ao Estado”.(Governador Paulo Câmara, comemorando investimento de R$ 70 milhões em indústria de papel)

Será hoje –

A Frente Popular de Afogados da Ingazeira, que tem o prefeito José Patriota, como seu comandante, realiza sua convenção nesta terça-feira (15), na Associação Atlética do Banco do Brasil – AABB, onde apresentará o nome do atual vice-prefeito Alessandro Palmeira (PSB), como o pré-candidato a prefeito, e o vereador Daniel Valadares (MDB) vice, apesar de tantos mistérios. Os discursos acontecerão depois das 16h após a chegada da chapa majoritária.

Frase – “Já dizia Brizola: ‘Acende um foguinho aqui, um foguinho ali. Daqui a pouco, está perdido na fumaça’”. (Presidente do PDT em Pernambuco e também deputado federal Wolney Queiroz, à coluna da Folha Política, sobre posição de Túlio Gadêlha)

Recebeu – A pré-candidata a prefeita de Serra Talhada, Márcia Conrado, recebeu em sua residência a presença do deputado federal, Fernando Monteiro (PP) e do prefeito Luciano Duque, onde discutiram propostas futuras para o crescimento de Serra Talhada.

Disse –

“É preciso ter zelo, respeito e paixão pela nossa cidade, e fazer bem feito! Sou movida por esse amor, pela população e pela ideia que Carlos Evandro representa para cada um de nós”. Mensagem postada na rede social pela pré-candidata a prefeita de Serra Talhada, Socorro Brito (Avante).

Perguntar não ofende –

Quem será o vice na chapa de Mendonça Filho em Recife?

~~Coluna da Folha /Edmar Lyra~~

Patrícia Domingos ganha importante reforço na disputa 

Nesta reta final para as convenções, cujo prazo se encerra amanhã, a delegada Patrícia Domingos conquistou um importante apoio para a disputa pela sucessão do prefeito Geraldo Julio no Recife. O deputado federal Daniel Coelho, que era pré-candidato a prefeito do Recife anunciou que marchará com o projeto liderado pela delegada.

Duas vezes candidato a prefeito do Recife com resultados expressivos, Daniel Coelho não conseguiu a unidade da oposição em torno da sua postulação, e diante do desfecho da disputa partidária com Mendonça Filho, o parlamentar preferiu marchar com a delegada, que tem sido a grande novidade oposicionista.

De acordo com Daniel, o apoio a Patrícia Domingos se deu no campo programático e com o objetivo de fazer o enfrentamento ao que ele classifica como donos do poder. Mas o que pesou efetivamente na escolha de Daniel foi a realização de uma pesquisa que mostrava que seu eleitorado tinha forte tendência de marchar com a delegada e para não ficar pendurado no pincel apostando em outro projeto, preferiu seguir com a postulante do Podemos.

Daniel acredita que Patrícia é o nome mais competitivo da oposição, e que com este apoio poderá consolidá-la no segundo turno contra o postulante governista, representado pelo projeto do deputado federal João Campos.

Denúncia – A Lava Jato do Paraná apresentou mais uma denúncia contra o ex-presidente Lula (PT) por suposta lavagem de dinheiro através do Instituto Lula. Além de Lula, foram denunciados Antonio Palocci, ex-ministro da Fazenda, e Paulo Okamotto, presidente do Instituto. Eles são acusados pelo MPF de dissimular o repasse de R$ 4 milhões de uma empreiteira. É a primeira denúncia depois de Deltan Dallagnol deixar a coordenação da Lava Jato, alegando problemas de saúde da filha.

Seguidor ilustre – O pré-candidato do PSL a prefeito do Recife, Carlos Andrade Lima, que será oficializado nesta quarta-feira em convenção no Pina, foi seguido pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro. O gesto foi interpretado como uma sinalização do clã Bolsonaro ao postulante do PSL na capital pernambucana.

Força – A convenção do pré-candidato a prefeito de Camaragibe, Gustavo Matos (MDB), nesta terça (15), reunirá os caciques da legenda e lideranças dos 30 bairros da cidade. Será feita de forma presencial e por videoconferência, respeitando os limites da pandemia.

Impeachment – O governador de Santa Catarina, Carlos Moisés (PSL), recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF) para esclarecer omissões e regras acerca das etapas do processo de impeachment de governadores. É uma tentativa de retardar o processo de impeachment que está tramitando. A relatora no STF será a ministra Rosa Weber. Outro governador, alvo de impeachment, é Wilson Witzel do Rio de Janeiro, mas este já foi afastado do cargo pela Justiça.

Petrolina – O prefeito Miguel Coelho (MDB) anunciou ontem em sua convenção Simão Durando (DEM) para o posto de vice na sua chapa de reeleição. Simão é um importante aliado do prefeito e tem plena confiança de Miguel para ser seu parceiro pelos próximos quatro anos.

Inocente quer saber –  Teremos alguma novidade na disputa do Recife até amanhã?

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *