Clínica Médica
Dr. Robson Stênio

Auto Unidos
Miss Dourada

Gordo Construções
AC- Assessoria Contábil e Tributária
Dr. Fred Barros
Odonto Center
Sertão Online
Supermercado Queiroz
PASC – Mais Saúde
Dr. Gilson Brito

CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIAR

Jailson Pneus
Restaurante Império Gourmet SJE
BMG Correspondente Antônio Filho
F. e P. Droga Center
Clínica Santa Lúcia
Casa Shopping Center
ADRIANTUR
Costa Lira
Informatic Center
Eduardo da Fonte
Farmácia Boa Saúde
Centro Clinico
Eletro Móveis
Deixe Seu Like

Sinpol-pe convoca sociedade pernambucana para protestar pela demissão do sindicalista Áureo Cisneiros

O Policial foi demitido pelo Governo de Pernambuco por atividade sindical, uma verdadeira perseguição política no último dia (05), publicado no Diário Oficial do Estado de Pernambuco, a demissão de Áureo Cisneiros. Em mais um ato de perseguição política, o Governo do Estado, que já tinha em mãos, desde dezembro de 2018, a demissão do sindicalista e policial, Áureo Cisneiros. Concretizando assim, o instrumento que vem usando como ferramenta de controle: a perseguição.

O empenho em defender os interesses do Policial Civil e em denunciar a falta de gestão, o abandono e os maus tratos do Governo de Pernambuco com os profissionais da segurança pública, rendeu a Áureo, 17 Processos Administrativos Disciplinares (PADs) e um criminal em que foi arrolado, todos por atividade sindical. Uma verdadeira perseguição para tentar acabar com o Sinpol e demitir o ex-presidente Áureo Cisneiros do quadro da PCPE.

Áureo conseguiu entre outros feitos, o maior aumento salarial de sua categoria e encabeçou a maior luta pela valorização do Policial Civil de Pernambuco. Toda luta dele não repercutiu apenas nos trabalhadores policiais civis, foram beneficiadas todas as forças de segurança como os policiais penais, guardas municipais, policiais militares tendo sempre como princípio norteador a segurança pública cidadã, trazendo de volta a luta dos trabalhadores para o centro do debate.

Por isso convocamos a sociedade para somar conosco nessa luta em defesa da Policia Civil de Pernambuco e da Segurança Pública. Não podemos permitir que um companheiro que trouxe grandes avanços para a nossa categoria seja calado de forma injusta, perversa e ditatorial.

Junte- se a nós e venha conosco na segunda-feira, dia 11, às 10h da manhã em frente ao Monumento Tortura Nunca mais e venha protestar contra essa demissão injusta e arbitrária.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *