Gordo Construções

ProntoMaisLab

Sertão Online

PASC – Mais Saúde

Supermercado Queiroz

Dr. Gilson Brito

CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIAR

Jailson Pneus

Restaurante Império Gourmet SJE

BMG Correspondente Antônio Filho

F. e P. Droga Center

Clínica Santa Lúcia

Casa Shopping Center

ADRIANTUR

Dr. Diego Aragão

O Centenário

Costa Lira

Informatic Center

Eduardo da Fonte

Centro Clinico

Eletro Móveis

Deixe Seu Like

PAULO CÂMARA: PERNAMBUCO HOJE COLHE OS FRUTOS DAS AÇÕES DE LULA

José Cruz - ABR: <p>Bras�lia - O governador de Pernambuco, Paulo C�mara, fala com imprensa ap�s encontro com a presidenta Dilma (Jos� Cruz/Ag�ncia Brasil)</p>No dia em que governadores do Nordeste foram a Curitiba (PR) tentar fazer uma visita ao ex-presidente Lula, o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), também manifestou, em vídeo, sua solidariedade ao principal nome do PT; segundo o chefe do executivo pernambucano, Lula é um “nordestino que lutou bravamente para diminuir as desigualdades sociais, econômicas, levou obras estruturadoras que hoje o povo de Pernambuco, de todo o nordeste colhe os frutos, focando na melhoria da qualidade de vida do povo”

GOVERNADORES DIZEM QUE MORO DESCUMPRE LEI AO IMPEDIR VISITA A LULA

Ricardo StuckertNove governadores estão nesta terça-feira 10 em Curitiba para visitar o ex-presidente Lula na Polícia Federal, onde está preso, mas foram impedidos pelo juiz Sergio Moro; “Entre as regras da carceragem e a Lei de Execução Penal, todos sabem que a lei tem primazia. O artigo 41 da Lei de Execução Penal diz que advogados, parentes e amigos têm direito de visitar um preso. Eu fui juiz federal por 12 anos, e inclusive fui juiz de execução penal”, destacou o governador do Maranhão, Flávio Dino; os governadores e três senadores fizeram uma carta assinada para Lula e pediram audiência com a presidente do STF, ministra Cármen Lúcia

SJEgito: Barragem São José II já acumulou mais de 50% de sua capacidade

Açude São José II na manhã desta segunda (9). Fotos e vídeo: Compesa

O açude São José II, conhecido como Barro Branco, em São José do Egito, vem acumulando muita água após as fortes chuvas que atingem a região. Na manhã desta segunda (9) foi verificado um volume de 52,3% de sua capacidade. No período da tarde o nível já apresentava aumento considerável.

O São José II estava praticamente seco antes das últimas chuvas. O reservatório começou a receber volume mais considerável de água após outras barragens de portes menores em seu percurso terem sangrado.

Mesmo com todo esse volume no Barro Branco a Compesa ainda não iniciou a distribuição de suas águas e está trabalhando apenas com a Adutora do Pajeú. Segundo a gerente da companhia em São José do Egito, Rúbia de Freitas, “há muita lama e isso vem dificultando a distribuição, entretanto estão sendo executadas as manutenções necessárias para que esse sistema volte a operar”.

A quantidade de água já acumulada, de acordo com Freitas, seria suficiente para abastecer a cidade por aproximadamente um ano. A capacidade máxima do reservatório é de 7.152.875 m³ (dados da Agência Pernambucana de Águas e Clima – Apac).

A expectativa dos egipcienses é que as chuvas continuem para verem o açude sangrar novamente.

COMPESA DESISTE DE USAR O CASCUDO – O ZÉ ANTONIO É A BOLA DA VEZ NO ABASTECIMENTO DE Stª TEREZINHA.

A Compesa desistiu de retomar o abastecimento d’água a partir da Barragem do Cascudo. A informação foi confirmada na manhã desta terça-feira (10). Apesar dos preparativos com revisão da parte elétrica e instalação da bomba d’água na Vila do Tigre; devido o acumulo de água na Barragem do Zé Antônio, a Companhia decidiu recomeçar o abastecimento por ela, que vem pegando bastante água nos últimos dias, já que as boas chuvas fizeram os açudes que estão situados a sua frente sangrarem, jorrando água para dentro do manancial.
A expectativa é de que a Barragem do Zé Antonio acumule água suficiente para manter o abastecimento até a conclusão do ramal emergencial da Adutora do Pajeú, caso contrário, o Cascudo, que no momento abastece apenas a Vila do Tigre,  será usado.

Missa de 30 dias de Dona Nevinha Campos,dia 12 em SJEgito.

Dona Nevinha iria completar 95 anos no dia 10 de maio. Natural de Teixeira (PB), adotou São José do Egito como sua terra. Ela era viúva do senhor José Campos e teve nove filhos.

A Missa será na Igreja Matriz de São José,em SJEgito,na próxima quinta-feira dia 12,as 7 da noite.

Celpe inaugura nova Subestação e amplia oferta de energia no Pajeú

O Presidente da Celpe, Antonio Carlos Sanches

A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) inaugura, na próxima sexta-feira (13), às 9h, as novas instalações da Subestação Afogados da Ingazeira, ampliando a oferta de energia no Sertão do Pajeú.

Com investimentos da ordem dos R$ 25 milhões e potência instalada de 66,6 MVA, a nova unidade tem capacidade de atender uma população de aproximadamente 250 mil habitantes.

O Presidente da Celpe, Antonio Carlos Sanches, estará no município para a entrega das novas instalações. O Prefeito José Patriota também estará na solenidade.

É parte do programa de ampliação da rede no Sertão. Dentre as subestações já funcionando, a unidade de São José do Belmonte, as Subestações Serrita e Santa Cruz. No Agreste, Vertentes e Limoeiro também receberam obras em subestações.

APOIO A LULA DISPARA APÓS PRISÃO POLÍTICA

“A prisão de Lula fez bem à imagem do ex-presidente segundo constatou uma pesquisa tracking (consulta por telefone para monitoramento) feita nos últimos dias por um grande instituto nacional. Nas palavras de quem teve acesso à consulta, o apoio a Lula ‘explodiu’ na população”, informa a jornalista Raquel Faria, colunista política do jornal O Tempo, de Belo Horizonte; ontem, o PT reafirmou que Lula será candidato mesmo preso

CÂMARA DE VEREADORES DE TUPARETAMA,DIVULGA PROGRAMAÇÃO DOS 56 ANOS DE EMANCIPAÇÃO POLITICA

A Câmara de Vereadores de Tuparetama divulgou sua programação alusiva aos 56 anos de emancipação política do município. Nesta quarta (11), em frente à sua sede, às 9h da manhã, acontecerá o corte do bolo gigante e sorteio de brindes. A programação continua às 19h na quadra da Escola Estadual Ernesto de Souza Leite, onde será realizada sessão solene com entrega de títulos de Cidadão Tuparetamense ao secretário das Cidades Francisco Papaléo, ao deputado federal Gonzaga Patriota, a ex-diretora da Escola Ernesto – Lourdinha Conceição, ao fundador do Balé Municipal – Fabian Queiroz, a ex-secretária de Finanças Denize Renato e ao fotógrafo Emílio Braga.

O Poder Legislativo também fará a entrega de moções de aplauso a tuparetamenses de destaques: Zacarias Silvino (antigo comerciante e pai do ex-prefeito Dêva Pessoa), in memoriam João Martins (ex-vice prefeito), in memoriam a Antônio Lira (destaque na saúde), in memoriam a Ary Muniz  (destaque no esporte), a Terezinha Neves (ex-secretária de Educação), ao pastor Sebastião (fundador da 1° Igreja Evangélica do bairro Bom Jesus), a Helena Souto (destaque no segmento social), a Maria do Socorro Silva – Socorrinho (destaque na Cultura) e a doutora Rosa Maria Freitas  (professora da PUC-PE – destaque acadêmico).

O presidente da Câmara Danilo Augusto disse que “Tuparetama comemora 56 anos olhando o passado com gratidão e o futuro com fé e esperança”. O vereador completou: “O Poder Legislativo cumpre seu papel de valorizar a história e quem ajudou a construí-la).

IPA anuncia que Afogados, Tabira e Solidão não receberão mesmo o Garantia Safra

Realidade de estiagem foi claramente verificada, com perdas nos plantios. Mas cidades ficaram fora

Anchieta Santos

Apesar dos esforços das Prefeituras, Sindicatos dos Trabalhadores Rurais e Conselhos Rurais, os municípios de Afogados da Ingazeira, Tabira e Solidão ficarão mesmo sem o Garantia Safra 2016/2017.

Em contato com a produção dos Programas Rádio Vivo e Cidade Alerta, Dêva Pessoa, Coordenador Regional do IPA comunicou ontem que os dados analisados pelo MDA não enquadram estes municípios dentro dos critérios estabelecidos pelo Programa.

O IPA adianta que já está articulando seus técnicos para a verificação do plantio e perda no ano agrícola 2017/2018. Há uma crítica de que os técnicos teriam buscado informações que prejudicaram o levantamento em algumas cidades, como por exemplo, incluir áreas irrigadas, que independem do período de estiagem

Chuvas castigam estradas do Pajeú

As chuvas que renovam as esperanças de uma boa safra para os sertanejos também causam prejuízos. As rodovias do Sertão do Pajeú começam a dar os primeiros sinais com os buracos que surgem. Buracos que surgem na PE-320 entre Afogados da Ingazeira e Tabira.

Alguns mais graves, como na altura da Fazenda Muquém, dois quilômetros após a saída de São José do Egito na PE 275, indo para o Ambó no sentido do Estado da Paraíba. Metade da pista cedeu com a força da água. A Prefeitura fez uma intervenção fazendo uso de metralha até que o governo do Estado solucione o problema.

Em contato com a produção dos Programas Rádio Vivo e Cidade Alerta, o Blogueiro Marcelo Patriota aponta buracos grandes também na PE-320 na frente da Compesa na saída para Tabira e próximo à Estação Elevatória da Adutora do Pajeú no Riacho do Meio. Distorções que precisam de correção por parte da Secretaria Estadual de Transportes.

Em SJEgito, saída destino PB.

Concurso COMPESA 2018: Edital para nível médio e superior nos ajustes finais!

O concurso público da Companhia Pernambucana de Saneamento (Concurso Compesa 2018) terá edital de concurso público em breve. O edital, que terá vagas para níveis médio, técnico e superior, já foi enviado para análise do Ministério Público de Pernambuco e Secretaria de Administração do Estado (SAD). O documento será lançado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), empresa escolhida através de publicação no Diário Oficial do Estado do dia 26 de maio do ano passado.
A expectativa é que o concurso COMPESA/PE 2018 seja divulgado para todos os cargos que compõe o plano de cargos da empresa, com exceção auxiliar de saneamento e gestão (nível fundamental completo). A expectativa é que o edital seja divulgado com oportunidades para engenheiro em diversas especialidades, economista, assistente social, administrador, analista de comunicação, analista de tecnologia da informação, assistente de gestão, assistente de serviços comerciais, técnico de contabilidade, técnico de enfermagem do trabalho e técnico operacional – mecânica.
Último Concurso COMPESA
O último concurso realizado pela Companhia Pernambucana de Saneamento contou com 65 vagas. As oportunidades foram distribuídas entre os cargos de técnico (41) e nível superior (24), com salários entre R$ 1.844,51 e R$ 7.480,00. Desse total, ainda foram reservadas 10 vagas aos portadores de necessidades especiais.
O concurso contou com vagas para os cargos de analista de saneamento (áreas de engenharias ambiental, florestal, de produção, mecânica e de telecomunicações, geologia ou química) e analista de gestão (áreas de administrador de banco de dados, advogado, biólogo, contador, economista e médico do trabalho). Já para nível médio/técnico houve oportunidades para Assistente de Saneamento e Gestão nas especialidades de tecnologia da informação e técnicos em segurança do trabalho, eletrônica, eletrotécnica, química e saneamento. A organização da seleção também foi da Fundação Getúlio Vargas.
Os inscritos no concurso foram avaliados por provas objetivas. Para nível superior, as provas foram realizadas no turno da manhã, enquanto as avaliações de nível médio/técnico aconteceram no turno vespertino. As avaliações foram realizadas em Recife (PE).
Além do salário, a Companhia oferece progressões salariais por mérito e antiguidade, e participação nos resultados. Também recebem benefícios que, atualmente, são: plano de saúde e plano odontológico para o empregado e dependentes; previdência privada; vale alimentação (R$ 594,00); e auxílio-educação. A contratação é feita pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Açude perto de sangrar em Itapetim

A obra do açude da Clarinha foi concluída em fevereiro, e com as últimas chuvas que estão caindo em nossa região recebeu um grande volume de água.

A obra foi realizada pelo Governo do Estado, através do governador Paulo Câmara, e da Secretaria de Agricultura, que tinha até então o deputado Nilton Mota como secretário da pasta.

O prefeito Adelmo Moura visitou a barragem comunitária ao lado do ex-prefeito Arquimedes Machado, do proprietário das terras Raimundo Nunes e populares da região.

“Este açude é uma grande conquista para toda comunidade Clarinha. Agora todos terão água suficiente por três anos com o açude totalmente cheio. Se Deus quiser, a comunidade terá uma grande safra.”, afirmou Adelmo.

ANTONIO JOSÉ DE LIMA , HISTÓRICO DO PSB, DESFILIA-SE DO PARTIDO

A imagem pode conter: 1 pessoa, barbaPedido de desfiliação

Por discordar da filiação do ex-ministro Joaquim Barbosa ao PSB, o escritor Antonio José de Lima, residente em São José do Egito, desligou-se do partido. Ele se filiou ao PSB no mesmo ano que Miguel Arraes e Eduardo Campos também se filiaram. É oriundo do velho MDB, genro do violeiro Lourival Batista Patriota e casado com uma tia do poeta Antonio Marinho.

Ele afirma que escolheu continuar a “caminhada” em outros rumos, “Na época , partido ao qual me filiei cheio de energia para colaborar em sua construção e manter vivos os sonhos que me trouxeram à política”.Estive nos sonhos sonhados por Arraes e Eduardo,mas o partido tomou outro rumo,chegando a votar em Aécio-PSDB para Presidente”.Diz ainda que continuará defendendo as bandeiras de sempre, como “a luta pelo fortalecimento da democracia, pela justiça social e pelo desenvolvimento sustentável”-“foi amadurecida por muita reflexão e sofrimento”.

Oposições acham mais fácil vencer com candidato único,em PE

Coluna Fogo Cruzado – 10 de abril de 2018

Armando Monteiro Neto não está preocupado com o eventual apoio do PT a Paulo Câmara

Está de pé o compromisso das Oposições de até o próximo dia 30 apresentarem aos pernambucanos a chapa que irá concorrer ao Governo do Estado e às duas vagas do Senado. O senador Armando Monteiro garante que nenhum nome está escolhido e que todos se encontram em igualdade de condições – ele próprio, o senador Fernando Bezerra, os deputados Bruno Araújo e Mendonça Filho e os ex-governadores João Lyra Neto e Joaquim Francisco. Por lógico, o lançamento de três chapas – a do governador e outras duas de oposição – tornaria mais fácil o segundo turno, mas esse não é o entendimento dos líderes oposicionistas. Eles estão convencidos de que é melhor para a causa uma chapa única porque a unidade política do bloco repercute positivamente no eleitorado. O petebista é o líder das intenções de voto nesse campo, mas ainda não se coloca como candidato, aguardando o entendimento, que certamente ocorrerá, com as outras forças da oposição, até o final deste mês. Ele não considera o senador Fernando Bezerra Coelho excluído do páreo, apesar de o partido a que pertence (MDB) encontrar-se no momento sob controle do vice-governador Raul Henry, que integra Frente Popular. E não manifesta preocupação com um eventual apoio do PT à reeleição de Paulo Câmara dizendo que o povo é testemunha do que um disse do outro nas duas últimas eleições. Está convicto de que o “ciclo do PSB” está-se encerrando e que a maioria dos pernambucanos quer um novo projeto.

Pedido de desfiliação

Por discordar da filiação do ex-ministro Joaquim Barbosa ao PSB, o escritor Antonio José de Lima, residente em São José do Egito, desligou-se do partido. Ele se filiou ao PSB no mesmo ano que Miguel Arraes e Eduardo Campos também se filiaram. É oriundo do velho MDB, genro do violeiro Lourival Batista Patriota e casado com uma tia do poeta Antonio Marinho.

A troca – O deputado estadual Pedro Serafim Neto (PDT) não se candidatará à reeleição. Acertou com seu pai, Pedro Serafim, ex-prefeito de Ipojuca, que o candidato da família será sua irmã, Débora, filiada ao PSC e ex-vice-prefeita de Sirinhaém. Ele coordenará a campanha.

A chapa – Júnior Matuto (PSB), prefeito de Paulista, levou correligionários, assessores e amigos, domingo agora, ao Centro de Convenções, para apresentar-lhes seus candidatos a deputado federal e estadual: João Campos e Francismar Pontes (PSB), respectivamente.

 Da terra – Caruaru terá este ano quatro candidatos a deputado estadual: Laura Gomes (PSB), Tony Gel (MDB), Lula Torres (PSDB) e Alberes Lopes (PSC). Os dois primeiros concorrerão à reeleição. Para federal há só dois no páreo: Wôlney Queiroz (PDT) e Toninho Rodrigues (SD).

Um ou outro – O médico e ex-prefeito de Condado, Edberto Quental, filiou-se ao PR na última sexta-feira, juntamente com a mulher, Andréa, e está decidindo junto com ela qual dos dois será candidato a deputado estadual. O presidente Sebastião Oliveira abonou as fichas.

A autonomia – Armando Monteiro (PTB) sabe que o candidato do seu partido a presidente da República será Geraldo Alckmin (PSDB), mas isso não significa que irá apoiá-lo. Tem um pacto com o presidente Roberto Jefferson mediante o qual um não se mete na seara do outro.

Açude de Taperoá-PB transborda após chuvas de mais de 100 mm

O açude Manoel Marcionilo da cidade de Taperoá-PB transbordou, nesta segunda-feira (9), com as fortes precipitações no município há três dias.
O Açude de Taperoá possui capacidade máxima de 15 milhões de  m³.
Segundo os dados parciais da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa), na sexta-feira (6), a cidade de Taperoá registrou a maior precipitação observada ultrapassando os 100 mm.
*De Olho no Cariri/SITE

LULA PARA NOBEL DA PAZ JÁ TEM MAIS DE 100 MIL APOIOS

A campanha para indicação do ex-presidente Lula para o prêmio Nobel da Paz, lançada pelo argentino Adolfo Pérez Esquivel, vencedor do prêmio em 1980, alcançou nesta tarde o apoio de mais de 100 mil pessoas; o abaixo-assinado na plataforma online Change.org tem a meta de alcançar 150 mil assinaturas; vítima de uma condenação sem provas, que o torna o primeiro preso político do Brasil desde a redemocratização, Lula entregou-se à Polícia Federal no sábado, 7; imprensa global e líderes políticos de vários países veem na prisão de Lula mais um golpe conta a democracia brasileira

443 mil brasileiros tiveram dados vazados no Facebook

: <p>Facebook. Foto: REUTERS/Dado Ruvic/Illustration/</p>Quase meio milhão de usuários do Facebook no Brasil tiveram seus dados coletados e repassados irregularmente à empresa de consultoria e marketing digital Cambridge Analytica, com base no Reino Unido. A plataforma anunciou que enviaria mensagem aos internautas envolvidos no vazamento com informações sobre o ocorrido

Nem Manoela e nem Boulos herderá os votos do “lulismo”

Coluna Fogo Cruzado – 9 de abri de 2128

O PT tem nomes em seus quadros que poderiam iniciar a “refundação” do partido de imediato 

Cumprida a etapa da prisão de Lula, resta ao PT neste início de campanha eleitoral aferir a força do “lulismo” e a capacidade que ele terá de transferir seus votos para outro candidato do PT à Presidência da República. O ex-presidente, no discurso de improviso, sábado, em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo, mencionou os nomes de Manoela D’Ávilla (PCdoB) e Guilherme Boulos (PSOL) como possíveis herdeiros do seu espólio, porém na prática isto não ocorrerá porque transferência de votos é algo que não se faz automaticamente. Manoela pode até ser uma deputada muito atuante na Assembleia do Rio Grande do Sul, mas não tem liderança nacional e sua inserção nos movimentos sociais é inexpressiva. Diga-se o mesmo de Guilherme Boulos, o líder nacional dos Movimentos dos Sem Teto. Ele pode até ser um bom ativista político. Mas daí para se tornar um candidato viável a presidente da República vai uma distância muito grande. Estranhamente, Lula não citou ninguém do PT capaz de empunhar a bandeira do “lulismo” após sua prisão. O partido tem vários nomes “limpos” que poderiam começar a luta do zero, mas esses não são cogitados pela atual cúpula do PT: Eduardo Suplicy, Olívio Dutra, Tarso Genro, Paulo Paim e o governador Camilo Santana. Qualquer desses representaria melhor o PT pós prisão de Lula que a atual presidente, Gleise Hoffmann que além de indiciada em vários processos não tem no momento o que se espera de um líder de um partido popular, cujo principal líder está na prisão: serenidade, maturidade e clarividência política.

A chapa está quase pronta

Após o 5º e último encontro das oposições em Ipojuca, sábado passado, para empunhar a bandeira do “Pernambuco quer mudar”, a chapa majoritária que está sendo desenhada é a seguinte: Armando Monteiro Neto (PTB) para governador, Bruno Araújo (PSDB) ou Fernando Filho (DEM) para vice, e Mendonça Filho (DEM) e Sílvio Costa (Avante) para o Senado.

A lealdade – No encontro de Ipojuca, a prefeita Célia Salves (PTB) prestou uma homenagem a Lula, que no início da noite daquele dia apresentou-se à Polícia Federal, em SP, para ser preso. Ela não esquece que quando foi candidata em 2015 Lula contou com a voz de Lula num carro de som pedindo votos para o PTB.

Vice ou senador – Ao transferir-se do PT para o PCdoB, João Paulo carimbou o passaporte para ser candidato a vice de Paulo Câmara (PSB) ou um dos postulantes a senador junto com Jarbas Vasconcelos (MDB), caso consiga driblar a Lei da Ficha Lima.

Da terra – No último dia do prazo legal, o advogado e ex-vereador de Arcoverde, Luciano Pacheco, filiou-se ao PROS para ser candidato a deputado estadual. A prefeita Madalena Brito (PSB) vai votar em João Fernando Coutinho (PROS) para deputado federal.

Às origens – Pelo fato de sua briga com Raul Henry pelo controle estadual do MDB encontrar-se “sub judice”, o senador Fernando Bezerra Coelho colocou no DEM os dois filhos que serão candidatos a deputado: Fernando Filho (federal) e Antonio Coelho (estadual). O pai começou a carreira política pelo PDS (sucedâneo da Arena) em 1982.

Trio de peso – No prazo final de filiações, o PTB recebeu três fortes reforços para sua chapa de deputado estadual: o deputado Álvaro Porto (ex-PSD), a deputada Socorro Pimentel (ex-PSL) e o jovem Miguel Ricardo, filho do prefeito de Igarassu Mário Ricardo (PTB).

PREFEITURA DE TUPARETAMA DIVULGA A PROGRAMAÇÃO DOS 56 ANOS DA EMANCIPAÇÃO POLÍTICA DA CIDADE

A prefeitura de Tuparetama vai comemorar, em 11 de abril, os 56 anos de emancipação política da cidade. As comemorações vão começar na terça-feira (10) de abril com os shows de Walkyria Santos e Caceteiros do Forró no Pátio de Eventos João Tunú da Costa iniciando às 22hs. No dia 11 de abril, as comemorações vão contar com atrações da cidade. A tradicional alvorada com a Banda Paulo Rocha, da cidade de Tuparetama, vai iniciar às 5hs.
A próxima atração local vai ser o jogo da seleção de futebol de Tuparetama enfrentando a seleção de Afogados da Ingazeira, às 14hs, no Estádio Municipal Lucena Chalega. Após o jogo, vai acontecer, às 16hs, o desfile das bandas marciais, incluindo a Banda Paulo Rocha, nas principais ruas da cidade com finalização em frente ao prédio da prefeitura de Tuparetama. Ao final desta apresentação o prefeito Sávio Torres vai falar à população.
O corte do bolo e a queima dos fogos comemorativos aos 56 anos de emancipação política de Tuparetama vai acontecer em frente ao prédio da prefeitura, às 18hs, no dia 11 de abril. A última atração local deste dia vai ser o lançamento do livro O mundo imundo das drogas do escritor Antônio Carneiro, no Centro Recreativo Professor José Rabêlo, na Rua Monsenhor Rabelo, s/n, no Bairro do Centro.
O Balaio Cultural que tradicionalmente acontece no 1º sábado de cada mês, vai acontecer no sábado 14 de abril para atender a programação das festividades de emancipação política de Tuparetama. As atrações vão acontecer no hall da churrascaria da Praça da Academia da Cidade de Tuparetama, a partir das 20hs.
Vão está no Balaio Cultural em comemoração aos 56 anos da emancipação política de Tuparetama, Flávio Leandro, Maike José, Rimas em Canto, Sofrência Universitária e a Quadrilha Explosão Jovem da cidade de Tabira.
Programação dos 56 anos da emancipação política de Tuparetama
Dia 10/04/2018
Pátio de Eventos João Tunú da Costa
22hs: Walkyria Santos e Caceteiros do Forró;
Dia 11/04/2018
05hs: Alvorada com a Banda Paulo Rocha da cidade de Tuparetama;
08hs: Amistoso da seleção Tuparetamense de futebol no Estádio Lucena Chalega;
16hs: Encontro de bandas marciais;
18hs: Corte do bolo e queima de fogos;
20hs: Lançamento do livro O mundo imundo das drogas do poeta Antônio Carneiro, no Centro Recreativo Professor José Rabêlo;

CHUVAS NO SERTÃO…

Resultado de imagem para criança brincando na chuvasQUANDO A CHUVA PASSAVA APARECIA
MUITA ÁGUA DESCENDO O TABULEIRO
E UM AÇUDE NA CURVA DO TERREIRO
COM UMA QUENGA DE COCO EU CONSTRUÍA
COMO EU NUNCA ENTENDI DE ENGENHARIA 
MEU DIPLOMA FOI SÓ DE AGRICULTOR
O AÇUDE NÃO TINHA SANGRADOR
TODA VEZ QUE ENCHIA, ELE ARROMBAVA
NO PASSADO ERA ASSIM QUE SE CRIAVA
UM MENINO FELIZ E SONHADOR!

(Poeta Lenelson Piancó)

STª TEREZINHA\BARRAGEM DO CASCUDO HÁ CERCA DE 2 METROS PARA SANGRAR..

A barragem do Cascudo que voltará a ser usada no abastecimento de Santa Terezinha continua acumulando boa quantidade d’água com as últimas chuvas. Na medição deste fim de semana, ficou registrado que falta ainda dois metros e trinta centímetros para que ela sangre. De acordo com internautas que fizeram medição na semana passada, ela estava a dois metros e quarenta centímetros da sangria, ou seja, em oito dias, ela acumulou mais dez centímetros de água. Segundo alguns moradores, a Compesa já está fazendo testes e a água já começou a chegar em algumas residências da cidade.BLOG DO PERERIRA\

Chove 113 milímetros em Itapetim e barragem da Boa Vista já acumula água; veja imagens:

As chuvas continuam caindo em Itapetim. Na tarde e noite deste domingo (08), o Ventre imortal da poesia registrou 113 milímetros, segundo informações do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA). A Barragem da Boa Vista, principal reservatório que abastece a cidade está recebendo bastante água. De acordo com informações da Compesa, a barragem que se encontrava em colapso total, está agora com 6% da sua capacidade. Já a barragem de Caramucuqui não teve aumento significativo em seu volume. Veja abaixo vídeos do rio que deságua na Barragem Boa Vista registrados pelo Repórter do Sertão na manhã desta segunda-feira.

Imagens: Repórter do Sertão

A Barragem da Boa Vista\Capacidade de 3,5 milhões de metros cúbicos

As fotos abaixo são de uma barragem no Sítio Recanto, onde choveu 87 milímetros neste domingo. As imagens foram enviadas ao nosso blog pelo leitor Suélio.

Ainda na zona rural choveu 58 mm na Gameleira; 27mm no sítio Lage do Agostinho e 65mm na Bonita. Na região de São Vicente também choveu, mas em menor volume.

O Rio Pajeú em Itapetim está passando água.

Por Repórter do Sertão

(Matéria atualizada às 14h04 para acréscimo de informações)

 

GOVERNADORES DO NORDESE AGENDAM VISITA A LULA

: Além de Rui Costa, mais sete governadores do Nordeste confirmaram que vão visitar juntos o ex-presidente Lula, preso em Curitiba; Paulo Câmara é o único que ainda não confirmou presença; os governadores devem se encontrar na capital paranaense, nesta terça-feira (10), e de lá seguem juntos para a Superintendência da Polícia Federal

BARRAGEM DE BROTAS VOLTA A ‘SANGRAR’ DEPOIS DE 7 ANOS

Água começa a descer pelo paredão de Brotas. Foto : Luiz Carlos/ Mais Pajeú

Até que enfim: a notícia que foi esperada desde as chuvas de março saiu nos microfones da Rádio Pajeú com o repórter Celso Brandão. A Barragem de Brotas começou a sangrar graças às chuvas que caíram este fim de semana em áreas do Pajeú. A primeira lâmina a cobrir o paredão foi registrada às 12h45. Um vídeo com as primeiras imagens pode ser visto na página da Rádio Pajeú no Facebook. A produção foi de André Luiz, do Portal Pajeú Radioweb.

Segundo a COMPESA, as águas que caíram no Alto Pajeú ainda não chegaram ao reservatório e devem chegar a tarde.

Em São José do Egito, o maior registro. Foram 108 milímetros. Em Itapetim também choveu bem. Só no período da tarde foram 28 milímetros. A imagem e da ponte do Rio Pajeú na entrada de Itapetim no sentido São José do Egito. O domingo foi de muita chuva em outras cidades do Pajeú, somando 113 milímetros em Itapetim,  além de muita água também em Carnaíba, com 80 milímetros. Choveu ainda em Tabira, Brejinho, Solidão, Santa Terezinha e Tuparetama.

De sexta pra cá em Afogados da Ingazeira as chuvas somaram 160 milímetros. Foram 60 milímetros na sexta, 70 mm no sábado e 30 mm no domingo. A previsão da meteorologia era de apenas 10 mm.

A última vez que o reservatório com cerca de 20 milhões de metros cúbicos havia sangrado, expressão popular para o fenômeno da água pelo vertedouro,  foi em março de 2011.

O funcionário da Compesa Carlos Siqueira, enviou ao Blog,  a Barragem de Brotas em Afogados da Ingazeira, que começa a transbordar.

Informações do Blog do Nill Junior,Junior Finfa,Celso Brandão e Radio Pajeú

 

Afogados: Prefeito promete limpeza em Brotas e reunião com moradores às margens do Pajeú

Casas foram construídas às margens do Rio e há riscos com transbordamento. Uma reunião vai reunir a Comissão de Defesa Civil, MP, Compesa, Bombeiros e moradores

O prefeito de Afogados da Ingazeira, José Patriota, anunciou em entrevista ao repórter Celso Brandão no programa Manhã Total da Rádio Pajeú que analisa medidas em virtude da situação da Barragem de Brotas, com muito mato e cercas no entorno e das famílias que moram às margens do Rio, em um dos bairros da cidade.

“Estou verificando a questão de brotas. Temos algarobas, mato, e providencia precisando ser tomadas embora seja de responsabilidade da APAC. Já falei com o promotor e tem algumas pessoas se dizendo proprietário porque  não receberam indenização. Pode ter acontecido, mas a posse é do Estado. A discussão deve ser na justiça”. A reunião terá finalidade de conscientizar as pessoas. “Já vamos começar a fazer alguma limpeza em alguns terrenos que se dizem particulares”.

O gestor se mostrou preocupado com o banho. “O terreno é irregular. Quando fizemos a limpeza de Brotas em 2013 a escavadeira fez buracos para encher as caçambas. Mesmo que saiba nadar é um risco muito grande. Você pode pisar em um local plano e a frente encontrar um buraco. Vamos tentar isolar a primeira parte, mas não temos como proibir 100%”.

Quanto às famílias que moram na área da Pedro Batista Tavares, e outras ruas que construíram praticamente na margem do rio o prefeito disse estar preocupado. “A nossa preocupação é com essas ruas que foram se construindo praticamente no leito do Rio. O risco é enorme porque é muito baixo. Ela sangrando agora com a barragem de ingazeira sangrando  também, todo volume de água vem de uma só vez, em um só momento”.

Uma reunião vai reunir a Comissão de Defesa Civil, MP, Compesa, Bombeiros e moradores para estabelecer uma prontidão para providências antes que seja tarde. “Os moradores que correm mais riscos serão alertados a partir de um estudo que será feito hoje”.

Casa cai com força das chuvas: pelo menos um imóvel caiu em Afogados em  virtude da força das chuvas.

A casa de Daniele Alves foi construída no caminho de uma grota na Rua Bom Jesus dos remédios, São Braz.

Ela não se feriu porque se abrigou na casa da mãe. Segundo ela, a prefeitura avaliou a casa mais de uma vez.

ITAPETIM CHOVEU 113 mm, SJEGITO 78 mm.Veja aonde choveu ontem domingo(o8)

Itapetim – 113mm
SJEgito – 76mm
Carnaiba – 80mm
Afogados- 30mm
Tuparetama – 12mm
Brejinho- 75 mm
 Site do IPA
Entre idas e vindas em períodos do dia, foram 108 milímetros registrados, na Fazenda Muquém de Evaldo Campos,o registro do IPA em SJEgito foi 78 mm.Em algumas comunidades Rurais de Itapetim as chuvas chegaram a 122 mm.

Chuva rompe PE em Serra Talhada

Na Paraíba, barragem rompe na região do Cariri

As chuvas ocorridas no fim de semana na Paraíba deixaram também um rasto de prejuízo. A força das água ocasionou o rompimento da barragem de Jeva, que fica localizada no sítio Riacho Fundo no município de Cordeiros.

Muita água seguiu o curso do Rio Bonfim e desembocou no Rio Taperoá, próximo a cidade de São João do Cariri, indo para o Açude Epitácio Pessoa, em Boqueirão.

Em Serra Talhada, o Distrito de Santa Rita teve um dos acessos isolado após o rompimento da PE 418, que faz a ligação com a sede do município. Dentre os córregos que cortam a cidade, está o Luanda, que também pegou grande volume de água.

A via foi inaugurada há poucos meses no trecho que faz a ligação da comunidade ao estado da Paraíba. O trecho rompido faz a ligação com a sede do município.

Pajeú continua registrando boas chuvas em abril

Foto: Marcelo Patriota

O final de semana teve mais chuvas nas cidades da região. Vem de São José do Egito o maior registro. Segundo o blogueiro Marcelo Patriota, entre idas e vindas em períodos do dia, foram 108 milímetros registrados, na Fazenda Muquém de Evaldo Campos,o registro do IPA em SJEgito foi 78 mm.

Em Itapetim também choveu bem. Só no período da tarde foram 28 milímetros. A imagem e da ponte do Rio Pajeú na entrada de Itapetim no sentido São José do Egito. O domingo foi de muita chuva em outras cidades do Pajeú, somando 113 milímetros em Itapetim,  além de muita água também em Carnaíba, com 80 milímetros. Choveu ainda em Tabira, Brejinho, Solidão, Santa Terezinha e Tuparetama.

De sexta pra cá em Afogados da Ingazeira as chuvas somaram 160 milímetros. Foram 60 milímetros na sexta, 70 mm no sábado e 30 mm no domingo. A previsão da meteorologia era de apenas 10 mm.

De acordo com a Compesa a Barragem de Brotas já se aproxima de 90% de sua capacidade de 20 milhões de metros cúbicos.

Populares e corajosos em Brotas. Foto: Wellington Júnior

Para hoje a previsão é de mais chuva na região. A notícia anima os observadores da Barragem de Brotas, para onde desembocam as águas que chegam dessas cidades, já que o nível atual da Barragem de Ingazeira gera a passagem da água para o reservatório.

Há pessoas confiantes no “sangrar” de Brotas este início de semana. Um boato de que isso teria ocorrido levou muitas pessoas ao local.

 

Durante processo de solidariedade a Lula, Luciano Duque e Marília Arraes tentam construir unidade dentro do PT

Nos últimos três dias, a pré-candidata a governador MARÍLIA ARRAES (PT) e seu padrinho político – o prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque (PT) – aproveitaram o momento de união do Partido dos Trabalhadores (PT) para amenizar as arestas políticas dentro da cúpula e construir a candidatura dentro da Executiva Nacional e Estadual.Na última sexta-feira, dia 6, quando foi decretada a prisão de Lula até 17h, Marília Arraes estava ao lado de Lula, no ato de “Resistência e Luta”, em São Bernardo do Campo (SP), junto com milhares de militantes de esquerda e cidadãos. “São milhares de companheiros com um só propósito, defender nosso maior líder político e a nossa jovem democracia!”, disse.“O momento dentro da sigla é de unidade e resistência, e nada melhor do que resolver esse imbróglio da candidatura própria e sanar as desavenças internas, para garantir a candidatura de Marília Arraes e a resistência de Lula, que está sendo condenado sem provas”, disse um petista, em reserva ao blog de Roberio Sá.Em PE, a candidatura o PT ao Governo do Estado terá uma devoção, que se mistura com o Lulismo e o socialismo de Miguel Arraes.

No meio político, alguns denominam como fenômeno “Marília Arraes” – vereadora do Recife – que luta com unhas e dentes para concorrer ao Palácio do Campo das Princesas contra o Governador Paulo Câmara (PSB).

APÓS DEFECÇÕES NA REDE, MARINA PODE FICAR FORA DOS DEBATES NA TV

Foto: Fabio Rodrigues-POZZEBOM/ABR: Bras�lia - senadora Marina Silva durante coletiva onde criticou a proposta do C�digo Florestal relatada pelo deputado Alldo RebeloApós a Rede perder mais dois deputados durante o período da janela partidária – quando parlamentares podem trocar de partido – a ex-senadora e pré-candidata à Presidência da República Marina Silva pode ficar de fora dos debates;  últimas defecções se deram com a saída dos deputados Aliel Machado (PR) e Alessandro Molon (RJ), que migraram para o PSB, sem que fossem substituídos; com isso, na prática, Marina somente poderá participar de debates na televisão se for convidada pela emissora que realizará o debate

Itapetim:”Última noite de festa do São Vicente Ferrer foi um sucesso”

A imagem pode conter: 2 pessoas, área internaA imagem pode conter: uma ou mais pessoas e pessoas no palco

A imagem pode conter: 7 pessoas, incluindo Luciana Maria Paulino e Jussara Araujo Siqueira, pessoas sorrindo, pessoas em pé e atividades ao ar livreA imagem pode conter: 7 pessoas, incluindo Fia Candido e Itapetim Bernardo Ferreira, pessoas sorrindo, pessoas em pé, listras, noite e atividades ao ar livre

Última noite de festa do São Vicente Ferrer foi um sucesso

Na noite deste sábado (07), aconteceu a última noite da festa do padroeiro São Vicente Ferrer, no distrito de São Vicente.O evento contou com missa de encerramento, presidida pelo Padre Adhemar de Lucena. Logo após houve apresentação do grupo de dança da Secretaria de Cultura do município, “Os Pajeuzitas”, e em seguida a festa ficou por conta de Tuninho dos Teclados e Eloi e Lucivaldo.O secretário de Cultura, Ailson Alves, agradeçeu a presença de toda população e o empenho da paróquia em realizar mais uma grande festa religiosa e parabenizou toda população de São Vicente que abrilhantou ainda mais a festa.O prefeito do município, Adelmo Moura, o vice, Junio Moreira, vereadores e autoridades também estiveram presentes.

A imagem pode conter: 9 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé e atividades ao ar livreA imagem pode conter: 2 pessoas, multidão, noite e atividades ao ar livre

Mídia global retrata Lula como alvo de perseguição e favorito nas eleições

 Rafael Ribeiro: <p>Lula nos braços do povo</p>Sem vínculos com o golpe de 2016, que começou com o impeachment fraudulento da presidente Dilma Rousseff, e se concluiu ontem, com a prisão sem provas do ex-presidente Lula, a mídia internacional dedicou amplo espaço à tragédia brasileira e, de forma predominante, tratou Lula – o maior popular vivo no mundo – como um perseguido político que está sendo caçado pelo sistema judiciário brasileiro apenas porque lidera as pesquisas sobre as eleições presidenciais de 2018; mídia global ficou estupefata com o “condenado carregado nos braços do povo” – ou seja: ao menos no mundo civilizado, Lula venceu a disputa narrativa

Trancado numa solitária, Lula quer ler cartas de amigos. Saiba como mandar

Ricardo Stuckert: <p>lula</p>“O juiz Sérgio Moro, os procuradores da Operação Lava-Jato e os policiais federais de Curitiba pensaram que seriam os carcereiros de Lula, mas na verdade vão ser os carteiros do povo brasileiro para o maior símbolo da luta popular que já existiu no Brasil. Cartas para o Lula podem ser enviadas ao seguinte endereço: Superintendência Policia Federal, Para Luiz Inácio Lula da Silva, R. Profa. Sandália Monzon, 210 – Santa Cândida, Curitiba/PR, CEP: 82640-040”, informa o boletim da resistência deste domingo

Brotas chega a 83,5% esta manhã de domingo,o8, falta 70 cm para sangrar.

Brotas às 22h de ontem. Imagem de Wellington Júnior

Imagens da Barragem de Brotas, reservatório que abastece Afogados da Ingazeira e Tabira, no Pajeú, mostram que o reservatório está bem mais próximo de sangrar, algo que não acontece desde março de 2011, há praticamente sete anos.

Naquele mesmo ano, no mês de setembro, foi realizado o primeiro teste na comporta da Barragem. Isso porque há anos a descarga de fundo da Barragem não vinha sendo realizada devido a comporta que estava com defeito. Desde então, a barragem não verte, o que vai ocasionar a necessidade da chamada descarga de fundo.

Segundo o repórter Celso Brandão, que esteve no local esta manhã, a distância do nível da água para o vertedouro é de aproximadamente 70 centímetros. Realidade bem diferente da encontrada semana passada, quando o volume estimado era de 67% do manancial.

Segundo o Chefe do Setor de Distribuição da COMPESA, Washington Jordão, ontem foi feita uma medição no reservatório, que indica um aumento para 83,5% nos últimos dias, fruto das chuvas que caíram. A medição foi feita esta manhã.

Um boato chegou a dar conta de que o reservatório estava sangrando, mas ainda falta um bom volume. Apesar da impressão visual, a lâmina de 70 centímetros representa muito, tamanho do espelho d’água.

Chuvas em Afogados e região: Ontem, fortes chuvas deixaram várias áreas alagadas em Afogados da Ingazeira. Ruas como Diomedes Gomes e Henrique Dias sofreram com as fortes chuvas e dificuldade de escoamento em alguns pontos da cidade.

Coluna do Domingão por Nill Júnior em 8 de Abril de 2018

Lula já está em Curitiba

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva chegou na noite deste sábado (7) a Curitiba, onde começará a cumprir a pena de 12 anos e 1 mês de prisão pela condenação no caso do triplex em Guarujá (SP).

Ele foi condenado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Ele é o primeiro ex-presidente do Brasil condenado por crime comum.

Lula pousou no aeroporto Afonso Pena, em Curitiba, às 22h01. De lá, seguiu de helicóptero até a Superintendência da PF na capital paranaense, onde pousou às 20h28.

Por ordem de Moro, o ex-presidente ficará preso em uma sala especial de 15 metros quadrados, no 4º andar do prédio da PF, com cama, mesa e um banheiro de uso pessoal. Também foi autorizada a instalação de uma TV no local.

Lula foi condenado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do triplex.

O mandado de prisão foi expedido pelo juiz Sérgio Moro na início da noite de quinta-feira (5) e, na sequência, Lula seguiu para a sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo (SP).

O ex-presidente é acusado de receber o triplex no litoral de SP como propina dissimulada da construtora OAS para favorecer a empresa em contratos com a Petrobras. O ex-presidente nega as acusações e afirma ser inocente.

Em nota, o advogado Cristiano Zanin Martins, um dos defensores de Lula, afirma que “o mandado de prisão contraria decisão proferida pelo próprio TRF-4 no dia 24/01, que condicionou a providência – incompatível com a garantia da presunção da inocência – ao exaurimento dos recursos possíveis de serem apresentados para aquele Tribunal, o que ainda não ocorreu”.

Saia justa

O discurso da prefeita de Ipojuca, Célia Sales, no ato das oposições, em defesa de Lula, deixou desconcertados Mendonça Filho, Fernando Bezerra Coelho e Bruno Araújo. Principalmente pela reação do público presente. O côro foi “Lula livre”.

Sabido

O prefeito José Patriota teve por meses o nome dele evidenciado pelo “vai-não-vai” em relação à sua candidatura. Pra fechar com chave de ouro, “o dia do fico” foi proclamado para representantes de 140 municípios, com grande exposição na imprensa, no Congresso da Amupe.

Pingados

A caminhada pró Lula sexta em Serra Talhada, na Frente da Faculdade, tinha cerca de 150 pessoas. Em Garanhuns o UOL falou em menos de 200.

Pernambucanos com Lula

Dentre as figuras de maior repercussão com Lula em São Bernardo, Marília Arraes, Humberto Costa e Túlio Gadelha, o namorado de Fátima Bernardes. O último repercutiu mais que os dois anteriores juntos.

Reação

Assim como Bruno Araújo fez com Câmara e Geraldo Júlio, opositores taxaram a nota de José Patriota em defesa de Lula “oportunista”, lembrando sua posição sobre o impeachment de Dilma. Clóvis Lira e Emídio Vasconcelos provocaram a coluna sobre o voto em Aécio e a declaração de que Temer e o PT “são farinha do mesmo saco”.

No Derby

O prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque, esteve na manifestação em defesa de Lula na Praça do Derby, Recife. Lá, pousou para fotos com Bruno Ribeiro, Tereza Leitão e Sílvio Costa.

Melhor decisão

Para 76,5%, José Patriota tomou a melhor decisão ao permanecer na Prefeitura de Afogados da Ingazeira e concluir seu mandato. Apenas 23,5% se disseram frustados com a decisão. Queriam um Deputado “da terra”. A pesquisa foi ao ar no programa Manhã Total, da Rádio Pajeú.

Herança indireta

Com Patriota fora do páreo, aumenta a perspectiva de votação de Aline Mariano, Waldemar Borges e Júlio Cavalcanti.

Boato

A informação de que a Barragem de Brotas começara a “sangrar” na noite deste sábado levou este blogueiro e o fotógrafo Wellington Júnior ao reservatório às 22h. O registro mostra estar muito perto, mas por outro lado comprova que disseminaram um boato.

Frases da semana:

Expeçam-se os mandados de prisão para execução das penas contra José Adelmário Pinheiro Filho, Agenor Franklin Magalhães Medeiros e Luiz Inácio Lula da Silva. Sérgio Moro, na ordem que parou o país.

Eu não to escondido, eu vou lá na barba deles pra eles saberem que eu não tenho medo, que eu não vou correr, e para eles saberem que eu vou provar minha inocência. Lula, antes de se entregar.

Saída de João Paulo do PT de PE

Coluna Fogo Cruzado – 7 de abril de 2018

Quando João Paulo pediu “licença” do PT, duas semanas atrás, alegando que precisava de tempo para concluir uma dissertação de mestrado, já se sabia que estava se despedindo do partido, que vive sua pior crise em Pernambuco desde a sua fundação. Ele já havia acertado sua filiação ao PCdoB com a presidente nacional do partido, Luciana Santos e o vice-prefeito do Recife, Luciano Siqueira, que foi também seu vice durante os 8 anos em que governou a capital pernambucana. No novo partido, que é apêndice do PT no plano nacional e do PSB em nível regional, João Paulo terá grandes possibilidades de receber convite da Frente Popular para ser um de seus candidatos majoritário nas próximas eleições – vice-governador ou senador. Sua saída fere de morte o partido em Pernambuco, que ainda tem uma chance de dar a volta por cima se lançar a candidatura da vereadora Marília Arraes ao governo estadual. Se ela não for ao segundo turno o PT não perderá nada e ainda formará um bom quadro o para o futuro. E, se for, corre o risco de ganhar a eleição.

Crescimento repentino

O Solidariedade tinha em Pernambuco, até ontem, o deputado federal Augusto Coutinho e o prefeito de Olinda, Professor Lupércio. Amanhece hoje com mais um deputado federal (Kaio Maniçoba), um suplente (Cadoca) e um forte candidato nas próximas eleições: o jovem empresário Toninho Rodrigues filho do deputado estadual e ex-prefeito de Caruaru Tony Gel.

Pujança política – O PSB passa a comandar a partir de hoje o poderoso Estado de São Paulo através do ex-vice Márcio França. Ele sucedeu Geraldo Alckmin (PSDB), que renunciou ao cargo para ser candidato a presidente da República mesmo sabendo que suas chances são poucas.

Stand by – O empresário e apresentador de TV Pedro Paulo (TV Nova) filiou-se ontem ao PP a convite do presidente Eduardo da Fonte para ficar de “stand by”. Tanto pode ser candidato a deputado federal como não ser candidato a nada.

Amor à terra – Sebastião Oliveira (PR), que estará de volta à Câmara Federal na próxima segunda-feira, tinha uma enorme vontade de recuperar todas as estradas de Pernambuco antes de deixar a Secretaria dos Transportes para concorrer à reeleição, mas esbarrou na falta de dinheiro para tocar as obras. Entretanto, com dinheiro do Ministério, deixou quase pronto o aeroporto de sua terra, Serra Talhada.

Pela continuidade – O presidente da Amupe, José Patriota (PSB), que está cumprindo o 3º mandato e ficará no cargo até março do próximo ano, valeu-se do 5º Congresso Pernambucano de Municípios, encerrado ontem no Centro de Convenções, para pedir ao seu sucessor, seja ele quem for, que não deixe de fazer o 6º Congresso em abril do próximo ano.

Carta reserva – O PSB só decidirá em julho se lança ou não candidato próprio a presidente da República. Se a decisão for pelo lançamento, o candidato será o ex-ministro Joaquim Barbosa (STF), que se filiou ontem ao partido apesar de ele ter dito que não leva jeito para ser político.

À míngua – O ex-prefeito de Cumaru e secretário da CNM, Eduardo Tabosa (PSD), o “Eduardinho”, afirma que União trata os municípios com desdém porque repassa apenas 36 centavos, por aluno, dia, para compra de merenda escolar.

Convite aceito – O coronel PM (da reserva) Luiz Meira, que é filiado ao PRP, aceitou convite de Bolsonaro (PSL) para ser o candidato dele ao governo de Pernambuco. Ele garante que se for eleito resolverá o problema da segurança no Estado, que se agravou muito nos últimos três anos. Meira afirma que terá o apoio de cinco partidos, mas não sabe se entre eles estará o PSL porque o presidente Luciano Bivar que apoiar Paulo Câmara.

Tática burra – As manifestações promovidas ontem em Pernambuco em “solidariedade” a Lula irritaram milhares de pessoas que estão pouco se “lixando” para a prisão do ex-presidente. Militantes do PT, da CUT e do MST fecharam as BRs 232, 101 e 428, causando transtornos a quem nada tem a ver com o pato.

Na cola – O senador Humberto Costa (PT-PE), logo que foi informado, na última quinta-feira, que o juiz Sérgio Moro expediria o mandado de prisão de Lula mandou-se para SP para ficar ao lado do ex-presidente, que continua “confinado” no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC paulista. Ele tem uma verdadeira adoração pelo ex-presidente, de quem foi ministro da Saúde.

LEIA A ÍNTEGRA DO DISCURSO HISTÓRICO DE LULA

– Vítima de intensa caçada judicial e, mesmo assim, líder em todas as pesquisas eleitorais e considerado o melhor presidente da história do País, Luiz Inácio Lula da Silva fez um discurso que entrará para a história.

“Eu tenho dito em todo discurso: não adianta tentar de me impedir de andar por este país, porque tem milhões e milhões de Boulos, de Manuelas, de Dilmas Rousseffs neste país para andar por mim. Não adianta tentar acabar com as minhas idéias, elas já estão pairando no ar e não tem como prendê-las. Não adianta parar o meu sonho, porque quando eu parar de sonhar, eu sonharei pela cabeça de vocês e pelos sonhos de vocês”, disse Lula.

“Não adianta achar que tudo vai parar o dia que o Lula tiver um infarto, é bobagem, porque o meu coração baterá pelos corações de vocês, e são milhões de corações. Não adianta eles acharem que vão fazer com que eu pare, eu não pararei porque eu não sou um ser humano, sou uma idéia, uma idéia misturada com a idéia de vocês, e eu tenho certeza que companheiros como os sem-terra, o MTST, os companheiros da CUT e do movimento sindical sabem, e esta é uma prova, esta é uma prova, eu vou cumprir o mandado e vocês vão ter de se transformar, cada um de vocês, vocês não vão se chamar chiquinho, zezinho, joãozinho, albertinho…”, acrescentou.

Leia a íntegra do discurso:

“Em 1979, esse sindicato fez uma das greves mais extraordinárias.

E nós conseguimos fazer um acordo com a indústria automobilística que foi talvez o melhor possível.

E eu tinha uma comissão de Fábrica com 300 trabalhadores. O acordo era bom.

E eu resolvi levar o acordo para Assembleia.

E resolvi pedir pra comissão de fábrica ir mais cedo para conversar com a peãozada.

E eu fazia assembleia de manhã pra evitar que o pessoal bebesse um pouquinho a tarde, porque quando a gente bebe um pouquinho, a gente fica mais ousado.

Mesmo assim não evitava porque o cara levava litro de conhaque dentro da mala e quando eu passava tomava uma ‘dosinha’ para a garganta ficar melhor – coisa que não aconteceu hoje.

Pois bem, nós começamos a colocar o acordo em votação e 100 mil pessoas no Estádio da Vila Euclides não aceitavam o acordo.

Era o melhor possível.

A gente não perdia dia de férias, não perdia décimo terceiro e tinha 15% de aumento.

Mas a peãozada ‘tava’ tão radicalizada que queria 83% ou nada. E não conseguimos.

E passamos um ano sendo chamado de pelego pelos trabalhadores.

Nós não conseguimos aprovar a proposta que eu considerava boa e o pessoal então passou a desrespeitar a diretoria do Sindicato. Eu ia na porta da fábrica ninguém parava.

E a imprensa escrevia: “Lula fala para os ouvidos moucos dos trabalhadores”.

Nós levamos um ano para recuperar o nosso prestígio na categoria.

E eu fiquei ṕensando com ar de vingança: “Os trabalhadores pensam que eles podem fazer 100 dias de greve, 400 dias de greve, que eles vão até o fim. Pois eu vou testá-los em 1980”.

E fizemos a maior greve da nossa história. A maior greve. 41 dias de greve.

Com 17 dias de greve fui preso e os trabalhadores começaram depois de alguns dias a furar greve e nós então – eu sei que Tuma, eu sei que o doutor Almir eu sei que Teotônio Vilela ia dentro da cadeia e falava assim pra mim: “Ô Lula cê precisa acabar com a greve, cê precisa dar um conselho para acabar com a greve”. E eu dizia: “Eu não vou acabar com a greve. Os trabalhadores vão decidir por conta própria”.

O dado concreto é que ninguém aguentou 41 dias porque na prática o companheiro tinha que pagar leite, tinha que pagar a conta de luz, tinha que pagar gás, a mulher começou a cobrar o dinheiro do pão, ele então começou a sofrer pressão e não aguentou.

Mas é engraçado porque na derrota a gente ganhou muito mais sem ganhar economicamente do que quando a gente ganhou economicamente. Significa que não é dinheiro que resolve o problema de uma greve, não é 5%, não é 10%, é o que está embutido de teoria política de conhecimento político e de tese política numa greve.

Agora, nós estamos quase que na mesma situação. Quase que na mesma situação.

Eu tô sendo processado e eu tenho dito claramente: “O processo do meu apartamento, eu sou o único ser humano que sou processado por um apartamento que não é meu”.

E ele sabe que o Globo mentiu quando disse que era meu.

A Polícia Federal da Lava Jato quando fez o inquérito mentiu que era meu, o Ministério Público quando fez a acusação mentiu dizendo que era meu e eu pensei que o Moro ia resolver e ele mentiu dizendo que era meu e me condenou a nove anos de cadeia.

É por isso que eu sou um cidadão indignado, porque eu já fiz muita coisa com meus 72 anos.

Mas eu não os perdoo por ter passado para a sociedade a ideia de que eu sou um ladrão.

Deram a primazia dos bandidos fazerem um pixuleco pelo Brasil inteiro.

Deram a primazia dos bandidos chamarem a gente de petralha.

Deram a primazia de criar quase um clima de guerra negando a política nesse país.

E eu digo todo dia: nenhum deles, nenhum deles, tem coragem ou dorme com a consciência tranquila da honestidade, da inocência que eu durmo. Nenhum deles [aplausos].

Eu não estou acima da Justiça. Se eu não acreditasse na Justiça, eu não tinha feito partido político. Eu tinha proposto uma revolução nesse país. Mas eu acredito na Justiça, numa Justiça justa, numa Justiça que vota um processo baseado nos autos do processo, baseado nas informações das acusações, das defesas, na prova concreta que tem a arma do crime.

O que eu não posso admitir é um procurador que fez um Powerpoint e foi pra televisão dizer que o PT é uma organização criminosa que nasceu para roubar o Brasil e que o Lula, por ser a figura mais importante desse partido, o Lula é o chefe, e portanto, se o Lula é o chefe, diz o procurador, “eu não preciso de provas, eu tenho convicção”.

Eu quero que ele guarde a convicção deles para os comparsas deles, para os asseclas deles e não para mim.

Certamente um ladrão não estaria exigindo prova.

Estaria de rabo preso com a boca fechada torcendo para a imprensa não falar o nome dele.

Eu tenho mais de 70 horas de Jornal Nacional me triturando.

Eu tenho mais de 70 capas de revista me atacando.

Eu tenho mais de milhares de páginas de jornais e materias me atacando.

Eu tenho mais a Record me atacando.

Eu tenho mais a Bandeirantes me atacando, eu tenho a rádio do interior me atacando.

E o que eles não se dão conta é que quanto mais eles me atacam mais cresce a minha relação com o povo brasileiro.

Eu não tenho medo deles.

Eu até já falei que gostaria de fazer um debate com o Moro sobre a denúncia que ele fez contra mim. Eu gostaria que ele me mostrasse alguma coisa de prova. Eu já desafiei os juízes do TRF4 que eles fossem prum debate na universidade que ele quiser, no curso que ele quiser, provar qual é o crime que eu cometi nesse país.

Sou um construtor de sonhos.

Há muito tempo atrás sonhei que era possível governar esse país envolvendo milhões e milhões de pessoas pobres na economia, envolvendo milhões de pessoas nas universidades, criando milhões e milhões de empregos nesse país, eu sonhei, eu sonhei que era possível um metalúrgico, sem diploma universitário, cuidar mais da educação que os diplomados e concursados que governaram esse país e cuidaram da educação.

Eu sonhei que era possível a gente diminuir a mortalidade infantil levando leite feijão e arroz para que as crianças pudessem comer todo dia.

Eu sonhei que era possível pegar os estudantes da periferia e colocá-los nas melhores universidades desse país para que a gente não tenha juíz e procuradores só da elite, daqui a pouco vamos ter juízes e procuradores nascidos na favela de Heliopólis, nascidos em Itaquera, nascidos na periferia.

Nós vamos ter muita gente dos Sem Terra, do MTST, da CUT formados.

Esse crime eu cometi.

Eu cometi esse crime e eles não querem que eu cometa mais.

É por conta desse crime que já tem uns dez processos contra mim.

E se for por esses crimes, de colocar pobre na universidade, negro na universidade, pobre comer carne, pobre comprar carro, pobre viajar de avião, pobre fazer sua pequena agricultura, ser microempreendedor, ter sua casa própria.

Se esse é o crime que eu cometi eu quero dizer que vou continuar sendo criminoso nesse país porque vou fazer muito mais. Vou fazer muito mais.

Companheiros e companheiras, em 1986, fui o deputado constituinte mais votado na história do país.

E, na época, havia uma desconfiança que só tinha poder no PT quem tinha mandato…

Então companheiros, quando eu percebi que o povo desconfiava que só tinha valor no PT quem era deputado, Manoela e Guilherme sabe o que eu fiz?

Deixei de ser deputado.

Porque eu queria provar ao PT que ia continuar sendo a figura mais importante do PT sem ter mandato porque se alguém quiser ganhar de mim no PT só tem um jeito: é trabalhar mais do que eu e gostar do povo mais do que eu, porque se não gostar não vai ganhar.

Pois bem: nós agora estamos num trabalho delicado.

Eu talvez viva o momento de maior indignação que um ser humano vive. Não é fácil o que sofre a minha família.

Não é fácil o que sofrem meus filhos. Não é fácil o que sofreu a Marisa e eu quero dizer que a antecipação da morte da Marisa foi a safadeza e a sacanagem que a imprensa e o Ministério Público fizeram contra ela.

Eu tenho certeza. Essa gente eu acho que não tem filho, não tem alma e não tem noção do que sente uma mãe ou um pai quando vê um filho massacrado, quando vê um filho sendo atacado.

Eu então, companheiros, resolvi levantar a cabeça. Não pense que eu sou contra a Lava Jato não.

A Lava Jato, se pegar bandido, tem que pegar bandido mesmo que roubou e prender. Todos nós queremos isso.

Todos nós a vida inteira dizíamos: “A Justiça só prende pobre, não prende rico”. Todos nós dizíamos.

E eu quero que continue prendendo rico. Eu quero. Agora qual é o problema?

É que você não pode fazer julgamento, subordinado à imprensa.

Porque no fundo, no fundo, você destrói as pessoas na sociedade, na imagem da pessoas e depois os juízes vão julgar e vão dizer “eu não posso ir contra a opinião pública que tá pedindo pra caçar”.

Quem quiser votar com base na opinião pública largue a toga e vá ser candidato a deputado, escolha um partido político e vá ser candidato.

Ora, a toga ela é o emprego vitalício.

O cidadão tem que votar apenas com base nos autos do processo, aliás eu acho que ministro da Suprema Corte não deveria dar declaração de como vai votar.

Nos EUA termina a votação e você não sabe em quem o cidadão votou exatamente para que ele não seja vítima de pressão.

Imagina um cara sendo acusado de homícidio e não tenha sido ele o assassino. O que a família do morto quer?

Que ele seja morto, que ele seja condenado.

Então o juíz tem que ter, diferentemente de nós, a cabeça mais fria, mais responsabilidade de fazer a acusação ou de condenar.

O Ministério Público é uma instituição muito forte.

Por isso esses meninos que entram muito novo fazem um curso direito e depois faz três anos de concurso porque o pai pode pagar, esses meninos precisavam conhecer um pouco da vida, um pouco de política para fazer o que eles fazem na sociedade brasileira.

Tem uma coisa chamada responsabilidade. E não pense que quando eu falo assim porque sou contra.

Eu fui presidente e indiquei quatro procuradores e fiz discurso em todas as posses e eu dizia: “Quanto mais forte for a instituição mais responsável os seus membros tem que ser”.

Você não pode condenar a pessoa pela imprensa para depois julgá-la.

Vocês estão lembrados de que quando eu fui prestar depoimento lá em Curitiba, eu disse para o Moro: “Você não tem condições de me absolver porque a globo tá exigindo que você me condene e você vai me condenar.

Pois bem, eu acho que tanto o TRF4, quanto o Moro, a Lava Jato e a Globo, eles têm um sonho de consumo.

O sonho de consumo é que primeiro: o golpe não terminou com a Dilma.

O golpe só vai concluir quando eles conseguirem convencer que o Lula não possa ser candidato a presidência da república em 2018.

Eles não querem o Lula de volta porque pobre na cabeça deles não pode ter direito.

Não pode comer carne de primeira. Pobre não pode andar de avião. Pobre não pode fazer universidade. Pobre nasceu, segundo a lógica deles, para comer e ter coisas de segunda categoria.

Então, companheiros e companheiras, o outro sonho de consumo deles é a fotografia do Lula preso.

Ah, eu fico imaginando o tesão da Veja colocando a capa comigo preso. Eu fico imaginando o tesão da Globo colocando a minha fotografia preso. Eles vão ter orgasmos múltiplos.

Eles decretaram a minha prisão. E deixa eu contar uma coisa pra vocês: eu vou atender o mandado deles.

E vou atender porque eu quero fazer a transferência de responsabilidade.

Eles acham que tudo que acontece neste país acontece por minha causa.

Eu já fui condenado a 3 anos de cadeia porque um juiz de Manaus entendeu que eu não preciso de arma, eu tenho uma língua ferina, então precisa me calar, porque se não me calar, ele vai continuar falando frases como eu falei, tá chegando a hora da onça beber água, e os camponeses mataram um fazendeiro e eles achavam que era a senha.

Eles já tentaram me prender por obstrução de justiça, não deu certo.

Eles agora querem me pegar numa prisão preventiva, que é uma coisa mais grave, porque não tem habeas corpus.

O Vaccari já tá preso há três anos. O Marcelo Odebrecht gastou R$ 400 milhões e não teve habeas corpus.

Eu não vou gastar um tostão. Mas vou lá com a seguinte crença: eles vão descobrir pela primeira vez o que eu tenho dito todo dia. Eles não sabem que o problema deste país não se chama Lula, o problema deste país são vocês, a consciência do povo, o partido dos trabalhadores, o PCdoB, o MST, o MTST, eles sabem que tem muita gente.

Eu tenho dito em todo discurso: não adianta tentar de me impedir de andar por este país, porque tem milhões e milhões de Boulos, de Manuelas, de Dilmas Rousseffs neste país para andar por mim.

Não adianta tentar acabar com as minhas idéias, elas já estão pairando no ar e não tem como prendê-las.

Não adianta parar o meu sonho, porque quando eu parar de sonhar, eu sonharei pela cabeça de vocês e pelos sonhos de vocês.

Não adianta achar que tudo vai parar o dia que o Lula tiver um infarto, é bobagem, porque o meu coração baterá pelos corações de vocês, e são milhões de corações.

Não adianta eles acharem que vão fazer com que eu pare, eu não pararei porque eu não sou um ser humano, sou uma idéia, uma idéia misturada com a idéia de vocês, e eu tenho certeza que companheiros como os sem-terra, o MTST, os companheiros da CUT e do movimento sindical sabem, e esta é uma prova, esta é uma prova, eu vou cumprir o mandado e vocês vão ter de se transformar, cada um de vocês, vocês não vão se chamar chiquinho, zezinho, joãozinho, albertinho…

Todos vocês, daqui pra frente, vão virar Lula e vão andar por este país fazendo o que você tem que fazer, e é todo dia! Todo dia!

Eles tem de saber que a morte de um combatente não para a revolução.

Eles tem de saber.

Eles tem de saber que nós vamos fazer definitivamente uma regulação dos meios de comunicação para que o povo não seja vítima das mentiras todo santo dia.

Eles têm de saber que vocês, quem sabe, são até mais inteligentes que eu, e queimar os pneus que vocês tanto queimam, fazer as passeatas, as ocupações no campo e na cidade; parecia difícil a ocupação de São Bernardo, e amanhã vocês vão receber a notícia que vocês ganharam o terreno que vocês invadiram.

Companheiros, eu tive chance, agora, eu estava no Uruguai, entre Livramento e Vera, e as pessoas diziam assim, ô, Lula, você finge que vai comprar um “uisquizinho”, e você vai para o Uruguai com o Pepe Mujica e vai embora e não volta mais, pede asilo político. Você pode ir na embaixada da Bolívia, do Uruguai, da Rússia, e de lá você fica falando…

Eu não tenho mais idade.

Minha idade é de enfrentá-los com olho no olho e eu vou enfrentá-los aceitando cumprir o mandado.

Eu quero saber quantos dias eles vão pensar que tão me prendendo e quantos mais dias eles me deixarem lá mais lulas vão nascer neste país e mais gente vai querer brigar neste país, porque numa democracia, não tem limite, não tem hora para a gente brigar.

Eu falei para os meus companheiros: se dependesse da minha vontade eu não ia, mas eu vou porque eles vão dizer a partir de amanhã que o Lula tá foragido, que o Lula tá escondido, e não! Eu não tô escondido, eu vou lá na barba deles pra eles saberem que eu não tenho medo, que eu não vou correr, e para eles saberem que eu vou provar minha inocência.

Eles têm de saber isso.

E façam o que quiserem. Façam o que quiserem.

Eu vou pegar uma frase que eu peguei em 1982 de uma menina de 10 anos em Catanduva, e essa frase não tem autor.

Os poderosos podem matar uma, duas ou três rosas, mas jamais poderão deter a chegada da primavera.

E a nossa luta é em busca da primavera.

Eles tem de saber que nós queremos mais casa, mais escola, nós queremos menos mortalidade, nós não queremos repetir a barbaridade que fizeram com a Marielle no Rio de Janeiro.

Não queremos repetir a barbaridade que se faz com meninos negros neste país.

Não queremos mais a mortalidade por desnutrição neste país. Não queremos mais que um jovem não tenha esperança de entrar numa universidade, porque este país é tão cretino, que foi o ultimo país do mundo a ter uma universidade.

O último! Todos os países mais pobres tiveram, porque eles não queriam que a juventude brasileira estudasse.

E falavam que custava muito. É de se perguntar: quanto custou não fazer há 50 anos atrás?

Eu quero que vocês saibam que eu tenho orgulho, profundo orgulho, de ter sido o único presidente da República sem ter um diploma universitário, mas sou o presidente da república que mais fiz universidade na história deste país para mostrar para essa gente que não confunda inteligência com a quantidade de anos na escolaridade, isso não e inteligência, é conhecimento.

Inteligência é quando você tem lado, inteligência é quando você não tem medo de discutir com os companheiros aquilo que é prioridade, e a prioridade é garantir que este país volte a ter cidadania.

Não vão vender a Petrobras! Vamos fazer uma nova constituinte! Vamo revogar a lei do petróleo que eles tão fazendo!

Não vamos deixar vender o BNDES, não vamos deixar vender a Caixa, não vamos deixar destruir o Banco do Brasil!

E vamos fortalecer a agricultura familiar, que é responsável por 70% do alimento que nós comemos neste país.

E com essa crença, companheiros, de cabeça erguida, como eu tô falando com vocês, que eu quero chegar lá e dizer ao delegado: estou à disposição.

E a história, daqui a alguns dias, vai provar que quem cometeu crime foi o delegado que me acusou, foi o juiz que me julgou e foi o Ministério Público que foi leviano comigo.

Por isso companheiros, eu não tenho lugar no meu coração pra todo mundo, mas eu quero que vocês saibam que se tem uma coisa que eu aprendi a gostar neste mundo é da minha relação com o povo.

Quando eu pego na mão de um de vocês, quando eu abraço um de vocês… porque agora eu beijo homem e mulher igualzinho, não mistura mais… Quando eu beijo um de vocês, eu não to beijando com segundas intenções, eu to beijando porque quando eu era presidente, eu dizia:

“Eu vou voltar pra onde eu vim”.

E eu sei quem são meus amigos eternos e quem são os eventuais.

Os de gravatinha, que iam atrás de mim, agora desapareceram.

E quem está comigo são aqueles companheiros que eram meus amigos antes de eu ser presidente da república.

É aquele que comia rabada no Zelão, que comia frango com polenta no Demarchi, é aquele que tomava caldo de mocotó no Zelão, esses continuam sendo nossos amigos.

São os que tem coragem de invadir terreno pra fazer casa, são aqueles que têm coragem de fazer uma greve contra a previdência, são aqueles que ocupam no campo pra fazer uma fazenda produtiva, são aqueles que na verdade precisam do Estado.

Companheiros, eu vou dizer uma coisa pra vocês: Vocês vão perceber que eu vou sair desta maior, mais forte, mais verdadeiro, e inocente, porque eu quero provar que eles é que cometeram um crime, um crime político de perseguir um homem que tem 50 anos de história política, e por isso eu sou muito grato.

Eu não tenho como pagar a gratidão, o carinho e o respeito que vocês tem dedicado a mim nesses anos todos.

E quero dizer a vocês Guilherme, e à Manuela, a vocês dois, que para mim é motivo de orgulho pertencer a uma geração, que está no final dela, ver nascer dois jovens disputando o direito de ser presidente da república neste país.

Por isso, grande abraço, e podem ficar certos: esse pescoço aqui não baixa, minha mãe já fez o pescoço curto pra ele não baixar, e não vai baixar, porque eu vou sair de lá de cabeça erguida e de peito estufado porque eu vou provar a minha inocência.

Um abraço companheiros, obrigado, mas muito obrigado, pelo que vocês me ajudaram, um beijo, querido, muito obrigado!”

Ruas ficam alagadas após chuva de 154 milímetros em Santa Cruz do Capibaribe

Ruas alagadas após chuvas em Santa Cruz do Capibaribe (Foto: Ney Lima/Reprodução)

Por G1 Caruaru

Fortes chuvas atingiram a cidade de Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste de Pernambuco, na madrugada entre a sexta (6) e este sábado (7). De acordo com o Projeto Bicho da Caatinga, que também monitora as chuvas na região, choveu 154 milímetros no município.

Ainda segundo a entidade, esse é o maior registro dos últimos 55 anos, o que quer dizer que em menos de 24 horas, choveu 200% a mais do que o esperado para todo mês de abril.

Os pontos de alagamento na cidade foram nos bairros São José, São Cristóvão, Bairro Novo, Nova Santa Cruz e Centro. Um açude que fica na área urbana do município ficou acumulado de água, ele não é um reservatório de abastecimento, mas há anos que não havia água no local. O volume do Rio Capibaribe, entre Santa Cruz do Capibaribe e o distrito de São Domingos, em Brejo da Madre de Deus, aumentou e a água inundou parte da localidade.

Ruas ficam alagadas em Santa Cruz do Capibaribe após chuvas (Foto: Ney Lima/Reprodução)

Conforme a assessoria de comunicação da cidade, a Defesa Civil não registrou desabamentos, nem mortes, mas está verificando as proporções dos danos causados pela chuva. A Agência Pernambucana de Água e Clima (Apac) emitiu um alerta de chuvas com intensidade de moderada a forte na Mata Sul de Pernambuco.

Brasileiros protestam contra prisão de Lula em 22 estados

Leo Otero/Midia Ninja: Manifestantes contrários à prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fazem protestos pelo país nesta sexta-feira (6), data que Sérgio Moro deu como prazo para que Lula se entregue, até as 17h, na sede da Polícia Federal em Curitiba; atos pró-Lula ocorrem no DF e em ao menos 22 estados: AL, AP, AM, BA, CE, ES, GO, MA, MT, MS, MG, PA, PB, PR, PE, PI, RJ, RN, SC, SP, SE e TO; no Rio, a Candelária (foto) foi o local escolhido para a manifestação contra a prisão do ex-presidente Lula na capital fluminense

Matéria da própria Globo prova que Moro atropelou prazo legal

:

Prazo de Lula para último recurso na segunda instância termina no dia 10, informa TRF-4. Até lá, ele não deve ser preso”, diz o título da reportagem do portal G1, da Globo, publicada nesta quinta-feira pela manhã, antes da determinação de Sergio Moro para que Lula seja preso

Chuva aumenta expectativa de que Barragem de Brotas “sangre” até início da semana

Brotas vista de ouro ângulo. Vegetação aquática se confunde com verde da margem

O final de semana chegou com chuva nas cidades da região. Entre a tarde da sexta-feira e a madrugada do sábado foram 60 milímetros em Afogados da Ingazeira, 12 milímetros em Carnaiba, 70 milímetros em Itapetim, Ingazeira e Tabira.  Cidades do Alto Pajeú como São José do Egito (34 milímetros), Brejinho e Santa Terezinha também choveu. Em algumas comunidades a chuva alcançou 80 milímetros.

Ouvintes do programa Rádio Vivo, da Rádio Pajeú, informaram hoje ao comunicador Anchieta Santos ocorrência de chuvas na Carnaubinha, com 55 milímetros, Encruzilhada, registrando 56 milímetros, Dois Riachos, Serrote Verde, Várzea, Pintada, Serra Branca, Gangorra,  Itã, Poço de Pedra, Travessão, Varzinha, Nazaré, Inveja, Leitão, Santiago, Caiçara e Jati.

Para hoje a previsão é de mais chuva na região. A notícia anima os observadores da Barragem de Brotas, para onde desembocam as águas que chegam dessas cidades, já que o nível atual da Barragem de Ingazeira gera a passagem da água para o reservatório. Há pessoas confiantes no “sangrar” de Brotas este fim de semana. “A água desce para Brotas não como uma cheia, mas em volume constante”, disse Marcelo Patriota ao programa Primeira Página, da Rádio Pajeú.

Em nota, Sebastião Oliveira diz que mesmo com falta de recursos projetos importantes saíram do papel

Tenho muito orgulho de ter comandado a Secretaria Estadual de Transportes desde o primeiro dia da gestão do governador Paulo Câmara.

Quando fui convidado para liderar a pasta pela segunda vez – a primeira havia sido entre 2007 e 2010 na gestão do governador Eduardo Campos – sabia muito bem o desafio que era estar à frente de uma secretaria considerada fundamental para o desenvolvimento do Estado. Transformar projetos em ações durante uma grave crise econômica que afeta em cheio todas as federações do Brasil, só fez aumentar a minha responsabilidade e de toda a minha equipe.

As dificuldades nunca me espantaram. Muito pelo contrário, elas me motivaram a superá-las. O caminho para atingir os resultados desejados foi norteado por três pilares: planejamento, elaboração de metas e cobrança de resultados. A escassez do dinheiro não impediu que projetos importantes fossem tirados do papel. Sonhos viraram obras. E foram muitas. As máquinas trabalharam por todas as regiões de desenvolvimento do Estado.

As idas e vindas a Brasília com a pasta embaixo do braço foram inúmeras. Bati em diversas portas e sempre fui muito bem recebido por todos no Ministério dos Transportes. Dos diversos pleitos atendidos, destaco a restauração da BR-101, a duplicação da BR-104 e a requalificação do Aeroporto de Serra Talhada. Centenas de milhões de reais estão sendo investidos na melhoria de vida da população. Além disso, construímos novas estradas e restauramos outras muitas.

Por fim, agradeço ao governador Paulo Câmara pela confiança depositada; à minha equipe; e a todos que acreditam no meu trabalho. Na Capital Federal, onde reassumo meu mandato de deputado federal, seguirei trabalhando em prol do povo pernambucano, com quem tenho o meu maior compromisso.

Sebastião Oliveira

Deputado Federal e presidente Estadual do Partido da República

Professor itapetinense participa do quadro “O Brasil que eu quero” da Rede Globo

Foto: Globo/Reprodução

O professor itapetinense, Fabiano Amorim, foi um dos participantes da edição desta quinta-feira (05) no quadro “O Brasil que eu quero” da Rede Globo, exibido no Jornal Nacional. O educador leciona na Escola de Referência em Ensino Médio Teresa Torres. Na sua mensagem de 13 segundos, Fabiano almeja um Brasil com menos corrupção e sugere que os professores brasileiros sejam vistos com mais responsabilidade.

No quadro lançado pela emissora carioca, os participantes gravam um vídeo de no máximo15 segundos respondendo a pergunta, “Que Brasil você quer para o futuro?”, e envia para O Brasil que eu quero, pelo VC no G1.

A TV Globo quer ouvir o desejo de cada um dos 5.570 municípios do Brasil.

Assista no vídeo abaixo, a participação do professor Fabiano Amorim em “O Brasil que eu quero”.