Tiroteio em bar, deixa um homem inocente morto em Itapetim

Pode ser uma imagem de 6 pessoas e texto que diz "Kly do n Parcello Patrota"Dois homens numa motocicleta atiraram em dois homens que estavam em um Bar na Cidade de Itapetim, um deles foi atingido de raspão, populares informaram que o que foi baleado , mas de raspão está bem, o tiro pegou superficialmente nas costas, foi atendido no Hospital Municipal Maria Silva e liberado, o segundo homem que estava na companhia dele nada sofreu, mas um 3º que estava na mesa ao lado, e não conhecia as vítimas e nem os algozes recebeu um tiro no ombro esquerdo e veio a óbito no local. O SAMU chegou em menos de 5 minutos, a Base do SAMU fica numa rua por trás do Bar/Espetinho. Informações primeiras era que o homem tinha morrido de uma parada cardio-respiratória. A bala ficou alojada no ombro, provavelmente transpassou e atingiu órgãos. As primeiras informações é que o homem que foi identificado por Jorge Ailton dos Santos Vieira, de 40 anos e é natural de Itapetim, trabalhava na cidade de Patos na Paraíba. Nas redes sociais e em grupos de WhatsZap´s, as pessoas pedem as autoridades que elucidem o caso, pois Jorge Ailton tinha vindo de Patos, onde morava e trabalhava, veio visitar a mãe e a família no Ventre Imortal da Poesia.

Segundo o que o blog do Marcello Patriota apurou , um dos que foi baleado e era o ‘ALVO’, já é a 3ª tentativa que homens tentam matá-lo, nas outras ocasiões, n’uma delas ele foi baleado e numa outra em um Bar no Alto de Santo Antônio um inocente ficou baleado, que estava numa mesa ao lado, isso ocorreu ano passado, em 2023. A polícia já tem pistas dos algozes, pois já se sabe que Jorge Ailton atingido pela bala e morto, não  tinha nenhum envolvimento no caso ou com algum dos envolvidos, e foi atingidos por engano no fogo cruzado dos criminosos.  O alvo da tentativa de assassinato era UM homem que estava no bar, sentado em uma das mesas. Ele foi baleado mas conseguiu escapar com vida.

O corpo de Jorge Ailton foi levado para o IML-Instituto de Medicina Legal de Caruaru. A Delegacia de Policia Civil investiga as circunstâncias do crime. As investigações seguem até esclarecimento do caso.